Jornal do Brasil

Sexta-feira, 20 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Heloisa Tolipan

www.heloisatolipan.com.br

Sabrina Sato lembra saída do "Pânico" e diz: "Relação igual de ex-namorado"

A apresentadora pediu "desculpas" aos amigos do humorístico em uma entrevista recente

A saída do Pânico na Band e a ida para a Record de Sabrina Sato em 2013 rendeu bastante polêmica e muitas mágoas nos bastidores, após uma década no humorístico. Agora, a japa voltou a falar sobre o assunto em uma entrevista ao canal do jornalista Álvaro Leme, no Youtube. Na ocasião, Álvaro perguntou se Sabrina tem algo a que se desculpar com alguém da equipe e ela prontamente disse: "Perdão, amigos".

Sabrina com os colegas Emilio Surita e Carioca, na época do "Pânico"

Vale lembrar que, na época, a japa foi chamada de "traídora" por Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, conhecido como Tutinha, um dos criadores do programa. Apesar disso, ela afirmou que não guarda mágoas de ninguém. "Eu amo eles, sabia? A gente ainda se fala. Mas é igual ex-namorado. No início, tem aquela mágoa, sempre um sofre mais do que o outro. Todo mundo fala que o Emílio tem um carinho muito grande por mim, e eu tenho por ele, os meninos todos", afirmou ela, que, atualmente, comanda um programa solo nas noites de sábado na Record. 

Em outro momento da conversa, Sabrina falou do seu gosto por festas. “Eu vou aos eventos sociais e me jogo”, contou. “É verdade, eu lembro no casamento da Wanessa Camargo”, respondeu o jornalista. “Sabe que eu não lembro?”, brincou Sabrina, aos risos.

“Eu sei porque você não se lembra”, falou o amigo. A apresentadora não se faz de rogada e contou tudo: “Eu bebi todas e dei PT. Fui parar na enfermaria. E vomitei no pé da Zilu”.



Tags: amor, band, desculpar, desculpas, emissora, ex, festas, karina kuperman, namoro, perdão, pt, pânico, record, redetv, sabrinha sato, saída, solo, traidora, vomitou, wanessa camargo, zilu, álvaro leme

Compartilhe: