Jornal do Brasil

Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

Esportes

Nadal sofre, mas vence Wawrinka e encara Cilic nas quartas em Toronto

Jornal do Brasil

Em seu duelo mais complicado no Masters 1000 de Toronto até agora, o espanhol Rafael Nadal sofreu para superar o suíço Stan Wawrinka na noite desta quinta-feira, em duelo de alto nível que chegou a ser interrompido pela chuva. O número 1 do mundo venceu pelo placar de 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 7/6 (7/4), em 2h08min.

Dono de três títulos na quadra dura canadense, Nadal fez um bom set inicial, quando salvou três break points e faturou uma quebra sobre o rival. Porém, caiu de rendimento na segunda parcial e levou um susto diante de um Wawrinka que ainda tenta emplacar uma boa sequência de jogos e torneios no circuito desde o seu retorno às quadras após cirurgia no joelho.

A partida precisou ser paralisada no fim do primeiro set, quando Nadal liderava o placar por 6/5. A essa altura, Wawrinka já havia desperdiçado três set points, assim como o espanhol. O duelo foi interrompido por cerca de meia hora.

No retorno, Nadal fechou o set inicial. E, logo no começo do segundo, abriu 2/0. O suíço, porém, devolveu a quebra e empatou a parcial. Em seguida, obteve nova quebra e ficou em boa vantagem. No entanto, buscou o novo empate no set e levou a melhor na disputa do tie-break.

Com o triunfo, o tenista da Espanha ampliou a vantagem sobre Wawrinka no retrospecto direto entre eles. Ele soma agora 17 vitórias, contra apenas três do suíço, que ocupa atualmente a 195ª do ranking da ATP. Wawrinka não vencia duas partidas seguidas num torneio desde fevereiro. Ele fez seu retorno às quadras no mês anterior.

Nas quartas de final, Nadal vai enfrentar o croata Marin Cilic, que também fez valer a condição de favorito. O atual vice-campeão do Aberto da Austrália, sexto cabeça de chave, bateu o argentino Diego Schwartzman por 6/3 e 6/2, em apenas 1h11min. Cilic chegou a perder o saque por duas vezes diante do 11º pré-classificado, mas impôs cinco quebras para encaminhar a vitória.

Mais cedo, o alemão Alexander Zverev confirmou o favoritismo sobre o russo Daniil Medvedev, que veio do qualifying, ao vencer o duelo pelo placar de 6/3 e 6/2. O cabeça de chave número dois vai enfrentar nas quartas de final o grego Stefanos Tsitsipas, algoz do sérvio Novak Djokovic nesta quinta.

Outro duelo das quartas de final terá o russo Karen Khachanov e o holandês Robin Haase. O primeiro bateu o norte-americano John Isner por 2 a 0, com parciais de 7/6 (7/5) e 7/6 (7/1). Haase, por sua vez, despachou um dos queridinhos da torcida, Denis Shapovalov, por 7/5 e 6/2.



Compartilhe: