Jornal do Brasil

Terça-feira, 14 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

Esportes

No Engenhão, Botafogo empata com o Vitória por 1 a 1 e encara vaias da torcida

Jornal do Brasil

Em um jogo equilibrado, Botafogo e Vitória empataram por 1 a 1, neste domingo, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Um resultado ruim para o time carioca, que vinha de derrota para o América-MG e fica com nove pontos, um a mais do que o baiano, que vinha de duas vitórias seguidas - diante de Vasco e Ceará. Ambos estão na parte intermediária da tabela de classificação.

O primeiro tempo começou em um ritmo muito lento porque o Vitória só aguardava a ação do Botafogo para tentar reagir. Mas o time carioca não estava bem na troca de passe e, aos poucos, passou a ser pressionado até na sua saída de bola. A torcida já demonstrava inquietação, com vaias de pouco menos de seis mil torcedores.

O empate saiu logo aos 43 minutos

Desta forma sofreu o primeiro gol da partida, aos 38 minutos, em uma falha coletiva da defesa. O lance começou de um recuo de bola de muita distância de Gustavo Bochecha para o goleiro Jefferson. Ele até fintou Denilson, porém sem espaço empurrou do lado direito na fogueira para Marcinho. O rápido Neilton roubou a bola, invadiu a área pelo lado esquerdo e cruzou na pequena área. Do outro lado, de carrinho, Denilson empurrou para as redes.

O empate saiu logo aos 43 minutos, em um lance curioso. Em outro recuo de bola, Jefferson deu um estourão bem alto para frente e pegou Kieza em velocidade. O atacante ganhou na corrida de Marlon, deu um toque de cabeça e chutou no canto esquerdo de Elias. O Botafogo ainda teve um chance em um chute forte de Luiz Fernando, que passou perto do travessão.

Na volta para o segundo tempo, o técnico Alberto Valentim tirou o meia Gustavo Bochecha para a entrada do atacante uruguaio Aguirre. Foi dele o chute forte e de longe, aos 11 minutos, que exigiu boa defesa de Elias, em dois tempos. Em seguida, outra troca ofensiva do time carioca: saiu João Pedro, cansado, para a entrada do atacante Ezequiel.

Ao contrário do início do jogo, o segundo tempo ficou mais movimentado. O Botafogo em cima e o Vitória com mais espaços para tentar os contra-ataques. O curioso é que ambos quase não criaram chances reais para marcar.

A melhor chance botafoguense aconteceu aos 36 minutos, em uma sobra de bola que Kieza bateu de virada, mas para fora. Rodrigo Lindoso ainda deu uma cabeçada em cima de Elias, aos 40 minutos. O jogo terminou sob vaias da torcida.

Os dois times voltam a campo nesta quarta-feira, pela oitava rodada do Brasileirão. O Botafogo vai enfrentar o São Paulo, no estádio do Morumbi, na capital paulista, às 19h30. O Vitória vai receber o Internacional, a partir das 21 horas, no estádio do Barradão, em Salvador.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 1 x 1 VITÓRIA

BOTAFOGO - Jefferson; Marcinho, Yago, Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, Gustavo Bochecha (Aguirre) e João Pedro (Ezequiel); Luiz Fernando (Leo Valencia) e Kieza. Técnico: Alberto Valentim.

VITÓRIA - Elias; Lucas, Aderllan, Ramon e Jeferson; José Welison, Rodrigo Andrade, Rhayner (Lucas Fernandes) e Wallyson (André Lima); Neilton e Denilson (Yago). Técnico: Vagner Mancini.

GOLS - Denilson, aos 38, e Kieza, aos 43 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Matheus Fernandes (Botafogo); Rhayner, Neilton, Yago e Jeferson (Vitória).

ÁRBITRO - Flávio Rodrigues de Souza (SP).

RENDA - R$ 129.145,00.

PÚBLICO - 4.759 pagantes (5.857 no total).

LOCAL - Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ).



Tags: bola, botafogo, campeonato, estadio, vitoria

Compartilhe: