Jornal do Brasil

Sábado, 18 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

Esportes

Inter exibe tristeza com queda na Copa do Brasil e oficializa chegada de Lucca

Jornal do Brasil

O Internacional deixou o Barradão decepcionado na noite de quinta-feira. Derrotado por 1 a 0 no tempo normal e depois pelo Vitória na disputa de pênaltis, o time foi eliminado na quarta fase da Copa do Brasil. Após o duelo, o técnico Odair Hellmann lamentou a queda, mas destacou que o time precisa aprender a lidar com a decepção e superá-la para ter algum êxito na sequência da temporada.

"O sentimento é de tristeza. Nós queríamos passar de fase e não conseguimos. Acho que o Inter poderia ir mais à frente. Mas é um sentimento que logo tem que sair. Vai doer hoje (quinta-feira) à noite, mas amanhã (sexta-feira) já temos que pensar no Brasileiro. O Inter vai ter esses momentos pela fase que vive. Mas é preciso criar casca, experiência, para dar resposta. É assim que vamos nos fortalecer", disse Odair.

O técnico do Inter avaliou que o time caiu de rendimento na etapa final, embora tenha discordado do pênalti marcado e convertido pela equipe da casa. "No primeiro tempo, a gente teve um pouco mais da posse, esteve bem organizado defensivamente e o time jogou no contra-ataque. O segundo tempo foi diferente, não fomos perfeitos. Houve o lance do pênalti, até lá a gente tinha o controle. Depois, não tivemos nem a bola no pé e nem a transição", comentou.

Além disso, Odair apontou que o Inter está em reconstrução após conseguir o seu retorno à elite do futebol nacional no ano passado e precisa de tempo e trabalho para reencontrar a rota do sucesso. "Não se constrói da noite para o dia. Não se pega a varinha, balança e o time vira campeão mundial. Essa derrota é dura, difícil, mas quem vive esse momento vai encontrar oscilações no caminho. Temos de corrigir erros, acreditar nas coisas boas e ir em frente", concluiu.

Além da queda na Copa do Brasil, a noite de quinta-feira também foi de oficialização de um reforço para o Inter. O clube gaúcho confirmou a contratação do atacante Lucca, que foi aprovado nos exames médicos e assinou contrato de empréstimo, cedido pelo Corinthians, até 31 de julho de 2019. A data também representa o fim do seu vínculo com o clube paulista, o que o deixará livre para assinar com qualquer outro time.

Lucca chegou ao Corinthians em 2015, teve participação na conquista do Campeonato Brasileiro daquele ano, mas nunca chegou a ser um titular do time. Em 2017, foi emprestado para a Ponte Preta, se destacando no Nacional com 13 gols marcados. Aos 28 anos, vai ter a concorrência de William Pottker, Leandro Damião, Nico López, Rossi, Brenner, Marcinho e Wellington Silva na luta por uma vaga no setor ofensivo do time gaúcho.

Após cair na Copa do Brasil, o Inter voltará a jogar no domingo, quando vai visitar o Palmeiras, no Pacaembu, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.



Compartilhe: