Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017

Esportes

Bancado por capitão Dudu, Valentim foca jogo contra o Grêmio

Portal Terra

Em sua quinta passagem como técnico interino do Palmeiras, Alberto Valentim vem contando com amplo respaldo do elenco. Ainda assim, após a vitória sobre a Ponte Preta, conquistada na noite de quinta-feira, ele evitou projetar o futuro, focando apenas o confronto com o Grêmio, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.

No final do ano passado, após a saída de Cuca, Valentim acabou preterido por Eduardo Baptista. O atacante Dudu, dono da tarja de capitão, espera que o técnico interino finalmente ganhe da diretoria palmeirense uma chance de comandar o time de maneira efetiva.

"Desde a primeira vez que o Cuca saiu, a gente queria que ele (Valentim) ficasse. Esperamos que faça um grande trabalho nos jogos que faltam para que, se Deus quiser, possa ter a oportunidade de comandar definitivamente o time no ano que vem", disse Dudu ainda antes da partida contra a Ponte Preta.

Um dos líderes do elenco palmeirense, o atacante contou já ter externado sua posição ao diretor de futebol Alexandre Mattos e ao presidente Maurício Galiotte. O técnico Alberto Valentim, questionado sobre o respaldo dos atletas para ser efetivado, foi diplomático.

"Estou muito tranquilo quanto a isso. Procurei fazer o meu melhor nesse jogo e agora já vou quebrar a cabeça para pensar no jogo contra o Grêmio. Vamos recuperar fisicamente os atletas e corrigir o que precisamos. Parece discurso feito, mas é verdade. Penso única e exclusivamente no próximo jogo", afirmou.

Alberto Valentim costumava comandar alguns treinamentos durante a gestão do técnico Cuca e mantém boa relação com os atletas do Palmeiras, além de contar com uma boa aceitação entre os exigentes torcedores alviverdes, situação que não é suficiente para empolgá-lo.

"A boa relação com os atletas é normal em todo ambiente de trabalho. Não consigo trabalhar sem um bom ambiente, é impossível. Para darmos um salto de qualidade, precisamos acelerar o processo de os jogadores entenderem o que eu peço", afirmou, comedido.

Tags: brasileiro, brasileirão, campeonato, futebol, palmeiras

Compartilhe: