Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Esportes

Grêmio entrega à polícia imagens que podem ajudar a identificar torcedores

Agência Brasil

O Grêmio repassou à Polícia Civil de Porto Alegre imagens capturadas pelas câmeras de segurança do estádio que sediou o jogo contra o Santos, na quinta-feira (28), pela Copa do Brasil. As filmagens podem ajudar a identificar os torcedores que insultaram o goleiro do Santos, Mário Lúcio Duarte Costa, o Aranha, durante a partida.

No inquérito, constam pelo menos cinco suspeitos de participar da agressão. Além da jovem flagrada em imagens no momento da violência, ao menos um homem teve participação confirmada pela polícia. Com a entrega do vídeo, que dura cerca de uma hora, a polícia começará a convocar os envolvidos para depoimento. "Hoje vamos oficializar a intimação para que os suspeitos se apresentem na delegacia", disse Lindomar Sousa, o responsável pelo inquérito na 4ª Delegacia de Porto Alegre.

Os torcedores identificados poderão responder pelo crime de injúria qualificada, que, quando praticada com base em elementos relacionados à raça, cor, etnia, religião, origem ou à condição de pessoa idosa ou com deficiência, pode ser punido com pena de um ano a três anos de reclusão e multa.

De acordo com o policial, os seguranças do estádio ainda não têm data marcada para ser ouvidos. As ofensas ao goleiro Aranha ocorrem menos de dois meses do fim da Copa do Mundo no Brasil, que teve como mote o combate ao racismo.

Tags: capital, gaucha, Goleiro, Racismo, Santos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.