Jornal do Brasil

Quinta-feira, 18 de Setembro de 2014

Esportes

Sorteadas as chaves do Mundial de Judô

Jornal do Brasil

O Mundial de Judô, em Chelyabinsk, na Rússia, mostrou um pouco da sua cara durante o sorteio das chaves que aconteceram neste domingo. Para abrir o evento um artista desenhou num painel símbolos do campeonato e da cidade com luz neon. Em seguida, um grupo de música local fez uma apresentação enquanto pequenos judocas traziam placas com os nomes das 110 nações que vão estar representadas na competição.

“Mais um fato criado pela FIJ. A Federação aproveita todas as oportunidades para fomentar o espírito de evento. Uma competição em si não é tão difícil mas fazer um evento é mais complexo, tem suas particularidades. É mais um passo de evolução. Hoje não foi um simples sorteio, foi um show, disse o presidente da CBJ, Paulo Wanderley Teixeira. Ainda mais com uma atleta brasileira sendo convidada a ser uma das estrelas do evento, concluiu o presidente.

Ele se referia a Mayra Aguiar, uma das convidadas pela organização do evento, a representar os atletas que lutarão no Mundial. Ela esteve ao lado da russa Natalia Kuziutina, do francês Loic Pietri e do japonês Shohei Ono. A lenda do judô local, Mansur Isaev, também foi convidado a estar no evento.

Logo após, o presidente da Federação Internacional de Judô, Marius Vizer, fez a abertura oficial do sorteio. Dimitriy Chernykhu, um dos vice-presidentes da Federação Russa de Judô, falou sobre o prazer de receber o Campeonato Mundial pela primeira vez e em Chelyabinsk, uma cidade com tradição no esporte. O diretor esportivo Vladimir Barta, então, conduziu o sorteio que definiu as posições nas chaves dos 639 atletas em suas respectivas categorias. 

O Brasil foi destaque algumas vezes já que em cada peso eram apresentados os quatro primeiros cabeças-de-chave. Assim, foram mostradas imagens de ippons de Sarah Menezes, Erika Miranda, Mayra Aguiar, Maria Suelen Altheman, Charles Chibana, Alex Pombo e Victor Penalber. A boa notícia é que Tiago Camilo foi confirmado como o sétimo cabeça-de-chave da categoria médio (90kg).

Nesta segunda-feira, dia 25, lutam os atletas da categoria ligeiro. No masculino, o Brasil será representado por Felipe Kitadai e Eric Takabatake que enfrentam o uzbeque Diyorbek Urozboev e o suíço Ludovic Chammartin. Sarah Menezes (48kg) faz sua primeira luta contra a jovem promessa do judô francês, Amandine Buchard.

Na terça-feira, os representantes brasileiros são Érika Miranda e Charles Chibana. A vice- campeã mundial estreia contra a vencedora da luta entre Gulbadam Babamuratova, do Turcomenistão, e Nesria Jlassi, da Tunísia. E o número um do mundo na categoria enfrenta o armênio Davit Ghazaryan na sua primeira luta.

Na quarta, dia 27, é a vez da categoria leve. A atual campeã mundial Rafaela Silva começa sua caminhada contra quem vencer o confronto entre Vlora Bedeti, da Eslovênia, e Stefanie Tremblay, do Canadá. Já a medalhista de bronze em Pequim 2008, Ketleyn Quadros, espera o vencedor de Carina Caprioru, da Romênia, e Chen-Ling Lien, do Taipei. 

No masculino, Alex Pombo, cabeça de chave número quatro, também sai de by. Ele enfrenta o ganhador de Dirk Van Tichelt, da Bélgica, e Martin Ivanov, da Bulgária.

Os meio médios competem no próximo dia 28, quinta-feira. Victor Penalber faz sua estreia no Mundial contra o armênio Rafael Davtyan. E Mariana Silva começa sua caminhada na chave contra Laura Salles Lopez, de Andorra.

Na sexta-feira, dia 29, serão disputadas três categorias: médio masculino e médio e meio pesado feminino. Tiago Camilo (90kg), que foi o cabeça-de-chave número sete, espera o vencedor de Gabor Ver, da Hungria, e Dmitri Gerasimenko, da Sérvia. Bárbara Timo (70kg) estreia contra Hye Jin Jeong. E Mayra Aguiar (78kg), será a última brasileira a entrar no tatame no dia. A medalhista de bronze nos Jogos de Londres 2012 e no Mundial Rio 2013 espera melhorar sua classificação no último Mundial e, para isso, precisa começar vencendo a italiana Assunta Galeone.

No último dia da competição individual, o Brasil terá cinco atletas em ação. O meio pesado Luciano Correa enfrenta o búlgaro Daniel Dichev em sua primeira luta. Já os pesados Rafael Silva e David Moura saíram de by. Rafael enfrenta o vencedor de Andre Breitbarth (ALE) e Mukhamadmurod Abdurakhmonov (TJK) e David Moura estreia na segunda rodada contra o ucraniano Stanislav Bodarenko. No pesado feminino, Rochele Nunes estreia contra Gulsah Kocaturk e, se vencer, pega na sequencia a cabeça-de-chave número um, a cubana Idalys Ortiz. Maria Suelen Altheman, número dois do mundo, espera a vencedora do confronto entre Zarina Abdrassulova, do Cazaquistão, e Larisa Ceric, da Bósnia.

As eliminatórias serão disputadas a partir das duas da manhã e as finais a partir das oito da manhã, no horário de Brasília. 

Tags: brasileiros, Campeonato, estreia, judocas, russia

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.