Jornal do Brasil

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

Esportes

Chapecoense vence e afasta Fluminense da ponta da tabela

Portal Terra

A Chapecoense fez valer seu mando de campo, nesta quarta-feira, ao superar o Fluminense, na Arena Condá, em Santa Catarina, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os donos da casa aproveitaram melhor as oportunidades de gol e venceram por 1 a 0, ganhando um fôlego a mais na briga contra o rebaixamento e atrapalhando os cariocas na perseguição aos clubes do G-4. Camilo, no segundo tempo, fez o único gol da partida.

Com o resultado, o Fluminense acumula três tropeços na competição, sendo um empate e duas derrotas, e deixa a zona de classificação da Copa Libertadores, aparecendo em 5º lugar, com 26 pontos. Já a Chapecoense chega aos 19, na 12ª posição e se distancia da zona da degola.

Na próxima rodada, o Fluminense recebe o Sport, domingo (24), às 16h, no Maracanã. As equipes farão duelo direto para entrar no G-4. Já a Chapecoense encara o Botafogo, que luta para não entrar na zona da degola, sábado (23), às 18h30, também no Maracanã.

A etapa inicial em Chapecó foi equilibrada e com poucas chances para os dois lados. O Fluminense tentou mais e criou as melhores oportunidades, mas acabou parando na boa atuação do goleiro Danilo. A primeira veio com Fred, aos 9min. Após receber bom passe de Conca, o camisa 9 bateu rasteiro e o goleiro fez boa defesa. A Chapecoense chegou apenas aos 29min, quando Bruno Rangel recebeu cruzamento, mas bateu muito alto, longe do gol defendido por Cavalieri.

O Fluminense teve mais três oportunidades no primeiro tempo. Aos 30min, Bruno arriscou chute forte da entrada da área e Danilo espalmou. Aos 40min, Walter faz um lance de gênio: o atacante vê o goleiro adiantado e bate do meio de campo. Danilo se recupera, se estica todo e manda para escanteio. Fred ainda teve uma oportunidade aos 46min, mas o goleiro defendeu boa cabeçada no canto.

Precisando da vitória para não perder contato com as equipes do G-4, o Fluminense voltou melhor, com mais volume de jogo, mas viu a Chapecoense ter as melhores chances e abrir o placar. Aos 13min, Zezinho bateu cruzado de pé esquerdo e viu Cavalieri fazer ótima defesa. Um minuto depois, saiu o gol. Bola alta da direita, Camilo subiu mais alto que o zagueiro Henrique e cabeceou forte, sem chances para o goleiro do Flu.

A vantagem no placar empolgou os donos da casa, que voltaram a assustar aos 18min. Bruno Rangel dominou na área, girou e bateu para ótima defesa de Cavalieri.

Sem assustar a Chapecoense, o técnico Cristóvão Borges decidiu mexer no Fluminense. Aos 32min, ele tirou Walter e apostou na entrada de Rafael Sobis. Porém, a alteração não surtiu efeito e o clube carioca não conseguiu criar mais nenhuma oportunidade para empatar a partida.

Tags: Brasileiro, Campeonato, Fluminense, futebol, série a

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.