Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Dezembro de 2014

Esportes

Cruzeiro reencontra vitória sobre Santos e volta à liderança

Portal Terra

Durou apenas um dia a ausência do Cruzeiro no topo da tabela do Campeonato Brasileiro. Com uma vitória por 3 a 0 sobre o Santos neste domingo, no Mineirão, a equipe do técnico Marcelo Oliveira ultrapassou o Internacional e reassumiu a liderança da competição, seguindo firme na busca do bicampeonato. Foi o reencontro do time celeste com a vitória, depois de empates contra Botafogo e Criciúma nas duas rodadas anteriores.

Os gols cruzeirenses foram marcados por Marcelo Moreno, Ricardo Goulart e Júlio Baptista, que fechou o placar em contra-ataque mortal no fim. E houve polêmica no primeiro gol, marcado por Moreno - Goulart estava em posição de impedimento bem na frente do camisa 1 santista, mas não tocou na bola, e o árbitro considerou que o artilheiro do campeonato não participou da jogada, validando o lance.

O resultado levou o Cruzeiro a 33 pontos, contra 31 do vice-líder Inter. Já o Santos parou nos 20 pontos e se distanciou do G-4, na décima colocação. Na próxima rodada, os mineiros voltam a jogar em casa, diante do Grêmio, enquanto o Santos recebe o Atlético-PR na Vila Belmiro.

O duelo, válido pela 15ª rodada, marcou o 100º jogo do técnico Marcelo Oliveira à frente do clube mineiro e com o melhor retrospecto de um treinador na história cruzeirense. Ricardo Goulart, ao marcar mais uma vez, agora soma nove gols no campeonato e é o artilheiro isolado. O Santos, apesar da boa atuação, principalmente de Robinho, que comandou o time durante todo jogo, foi castigado por desperdiçar tantas oportunidades de gol.

Robinho teve boa atuação e comandou os ataques do Santos, mas time paulista perdeu muitos gols E mesmo com o retorno do zagueiro Edu Dracena, o time paulista acabou levando mais um gol de boa aérea, o quinto seguido. Aos 24min, Everton Ribeiro cruzou, Marcelo Moreno desviou de cabeça e Aranha acabou falhando ao tentar encaixar a bola. Os santistas pediram o impedimento de Ricardo Goulart, mas o gol foi validado.

 

Apesar da ótima atuação de Robinho e da proposta ofensiva do Santos, os visitantes acabaram pagando o preço pela falta de pontaria e tomaram o segundo gol logo no início do segundo tempo. Ricardo Goulart foi lançado na área, livre, e bateu forte de pé esquerdo. A bola foi em cima de Aranha, mas o goleiro não conseguiu reagir a tempo e aceitou.

A história do jogo foi a mesma até o final: Santos criando chances contra o líder, mas perdendo gols. Até que, aos 42min, Thiago Ribeiro perdeu uma bola dominada e armou o contra-ataque mineiro. Everton Ribeiro arrancou e serviu Júlio Batista, que tirou de Edu Dracena e bateu sem chances para Aranha

Tags: Campeonato Brasileiro, cruzeiro, liderança, Santos, Vitoria

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.