Jornal do Brasil

Segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

Esportes

Ex-presidente da OAB-RJ critica adiamento das eleições no Vasco 

Jornal do Brasil

O advogado Wadih Damous, ex-presidente da OAB do Rio de Janeiro, criticou nesta quarta-feira (06) o adiamento das eleições presidenciais do Vasco da Gama, um dos principais clubes de futebol do país e dono da segunda maior torcida do Rio de Janeiro. Segundo Damous, o adiamento das eleições não passa de uma baixaria da politicagem em que a atual direção mergulhou o clube. 

"A decisão judicial, por sua vez, é ilegal, absurda e transforma o Vasco, nesse momento, em terra de ninguém, já que não se sabe mais até quando duram os atuais mandatos e quem vai administrar o clube", disse.

O ex-presidente da OAB-RJ, que acompanha de perto as atividades do clube há vários anos, afirma que o Vasco já vinha envergonhando a sua torcida dentro de campo e agora envergonha fora de campo também. 

Damous , no entanto, espera que "o bom senso venha a prevalecer no judiciário e essa decisão seja revogada o mais rápido possível, para o bem do Vasco, do futebol e da democracia".

 

Tags: clube, eleição, oab, presidência, Rio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.