Jornal do Brasil

Quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

Esportes

Jornal: CBF paga mais de R$ 4 mi em rescisão com Felipão

Portal Terra

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) desembolsou cerca de R$ 4,1 milhões na rescisão de contrato com o técnico Luiz Felipe Scolari, segundo números divulgados nesta quarta-feira pelo jornal Folha de S.Paulo. O valor total do desligamento da comissão técnica, incluindo o coordenador Carlos Alberto Parreira e o auxiliar Flavio Murtosa, foi superior a R$ 9 milhões, informa a publicação.

O presidente José Maria Marin dissolveu a comissão brasileira no dia seguinte à final da Copa do Mundo, em 14 de julho. A alegação foi de que o próprio treinador, ao dizer que entregaria o cargo ao fim da campanha como combinado desde o princípio, manifestou vontade de demissão. O Brasil encerrou o torneio em quarto lugar após um final desastroso, com derrotas categóricas contra Alemanha e Holanda.

Felipão foi desligado da Seleção após a Copa e vai dirigir o Grêmio a partir desta quarta
Felipão foi desligado da Seleção após a Copa e vai dirigir o Grêmio a partir desta quarta

A CBF apresentou uma demissão sem justa causa para os três funcionários. Ainda segundo o jornal, os vencimentos mensais de Parreira e Felipão eram iguais: R$ 612 mil. No mês de junho o pagamento dos dois sofreu um acréscimo de quase R$ 300 mil por uma premiação não discriminada pela entidade. Flávio Murtosa, segundo a publicação, recebia R$ 82 mil.

Tags: brasil, contrato, Copa, dinheiro, scolari, seleção, treinador

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.