Jornal do Brasil

Quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

Esportes

Golaço de Conca decide contra Santos e põe Fluminense no G-4

Portal Terra

O Fluminense não fez um grande jogo neste domingo e nem teve muitas vantagens contra o Santos. Mas quem tem um grande jogador sempre sai na frente: dessa vez foi Darío Conca que fez a diferença, marcando o golaço que garantiu a vitória por 1 a 0. Ele colocou o tricolor carioca no G-4 do Campeonato Brasileiro, com 19 pontos. Já o Santos está em nono, com 17.

Falta de criatividade, erros de passe e bons sistemas defensivos. O primeiro tempo do jogo reuniu esses três fatores e por isso foi escasso de emoções. O Fluminense esteve ligeiramente melhor, por tomar mais iniciativa e buscar o ataque mais vezes. O Santos, que parecia disposto a segurar o empate, preferiu tocar a bola lentamente e esfriar a partida. Inclusive foi vaiado por isso.

Os dois times tentaram mudar algo no segundo tempo. O Santos colocou Jorge Eduardo no lugar de Geuvânio. Mas foi a substituição de Cristóvão Borges que realmente deu certo: o atacante Samuel entrou no lugar de Walter e participou do gol tricolor. E foi um golaço.

Após lançamento da defesa, Samuel ganhou duas vezes a disputa aérea com o santista David Braz, deixando a bola sobrar na medida para Conca, na entrada da área. O argentino chutou com muita força e precisão para fazer o gol. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar.

A partir deste momento, o Santos passou a procurar mais o ataque. O técnico Oswaldo de Oliveira colocou mais dois jovens em campo: Diego Cardoso e Stéfano Yuri. Então o time começou a levar perigo.

Lucas Lima cobrou falta perigosa aos 33min e ainda houve um lance polêmico: Diego Cardoso chutou para o gol, mas Henrique salvou em cima da linha, deixando dúvidas se a bola tinha entrado ou não. Arouca teve a melhor chance do Santos em todo o jogo, chutando de dentro da área, mas fazendo a bola raspar a trave.

Tags: Brasileiro, Campeonato, futebol, tricolor, Vitoria

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.