Jornal do Brasil

Quarta-feira, 1 de Outubro de 2014

Esportes

The Guardian: Porque o futebol merece mais do que o presidente tóxico da Fifa

Segundo autor, Copa no Brasil não consegue disfarçar a podridão de Blatter

Jornal do Brasil

O jornal inglês The Guardian publicou uma matéria opinativa neste domingo (22) criticando a Fifa e o presidente Sepp Blatter, além de destacar a insatisfação brasileira com a realização da Copa do Mundo no país. 

O autor lembra que quando o Brasil foi premiado com a Copa do Mundo e com as Olimpíadas, todos queriam "um pedaço da torta brasileira", mas que agora, com a falência de serviços públicos e forte corrupção, a Copa virou foco da desilusão da classe média ascendente. Segundo ele, a presença da Fifa se tornou uma constante irritante, o que pôde ser notado nas manifestações com cartazes dizendo "Fuck Off Fifa" (Fifa, vá embora).

O texto defende que os fãs de futebol ao redor do mundo estão esgotados com a Fifa, que demanda que os países que buscam receber os torneios passem por uma legislação específica. O jornalista também afirma que a Fifa insiste em intermináveis privilégios para seus representantes e patrocinadores. Ele chama a atenção, ainda, para as denúncias de corrupção na Copa do Qatar e diz que o poder de Blatter depende unicamente na estrutura hierárquica da organização. 

Tags: blatter, Copa, Corrupção, Críticas, Fifa, futebol

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.