Jornal do Brasil

Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2014

Esportes

L'Equipe: "O Brasil perdeu seu estilo", diz Lula

Em bate-papo para o jornal francês, líder petista afirma que Brasil é favorito para a Copa

Jornal do Brasil

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou de um bate-papo conduzido pelo ex-jogador Raí para o jornal francês L'Equipe e afirmou que o Brasil é favorito para a Copa do Mundo. “Um País que organiza a Copa do Mundo e que tem os títulos do Brasil é obrigatoriamente favorito”, disse, também citando Argentina, França, Portugal, Itália, Uruguai e Alemanha como fortes concorrentes.

"Cada jogo será como a Guerra do Vietnã, e nós teremos de lutar como o Vietnã, brigar por todas as bolas, ou seremos derrotados", defendeu.

Além disso, Lula admitiu que a seleção brasileira "perdeu o seu estilo". De acordo com ele, a mudança a mudança foi decorrente da evolução do esporte, “que se transformou em uma máquina de produzir dinheiro”, valorizando mais o jogo físico. Assim, o líder petista apontou que é impossível dizer que o futebol europeu é mais violento que o brasileiro. Ele deu o exemplo dos jogadores do Bayern de Munique, que "tratam a bola com o mesmo amor" que os brasileiros.

Quanto aos protestos, Lula procurou não condená-los. "É preciso lutar diariamente para melhorar, e as autoridades não devem interpretar equivocadamente a população na rua", garantiu. Por outro lado, o ex-presidente reclamou que o Brasil sofre "muita pressão" e que, mesmo que as obras não fiquem prontas a tempo da competição, haverá um legado para o país. “Temos que colocarmos na cabeça que não podemos solucionar em 20 anos problemas que temos há 500 anos”, finalizou.

Tags: copa do mundo, entrevista, futebol, Lula, seleção

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.