Jornal do Brasil

Sábado, 20 de Setembro de 2014

Esportes

Corinthians goleia Sport na Ilha do Retiro e ameniza pressão

Portal Terra

O Corinthians se recuperou das críticas e dos três jogos sem vitória em grande estilo no fim da tarde deste domingo. Na Ilha do Retiro, em Pernambuco, o time comandado pelo treinador Mano Menezes aplicou goleada de 4 a 1 sobre o Sport pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro para voltar a encostar nos líderes do torneio nacional. Os gols dos paulistas foram marcados por Romarinho e Jadson, duas vezes cada. 

Após ter atuações ruins e receber críticas com as três partidas em que ficou sem vencer (São Paulo, Figueirense e Atlético-PR), a equipe alvinegra começa, com o bom resultado, a amenizar a pressão contra o treinador Mano Meneezes, impulsionada pela derrota no primeiro jogo oficial da Arena Corinthians. O clube paulista sobe para a sexta posição, com 12 pontos - o Sport é o 13º, com sete.

Agora, os corintianos voltam a campo nesta quarta-feira, em São Paulo, para enfrentar o Cruzeiro no Canindé às 22h (de Brasília). Já a equipe rubro-negra volta a campo no mesmo dia, às 19h30, quando recebe o Grêmio na Ilha do Retiro.

A partida na Ilha do Retiro não começou bem para o Corinthians, apesar do resultado positivo. Logo no início do duelo, o goleiro Cássio se machucou em um choque com um adversário e teve que deixar o campo aos 9min para a entrada de Walter. A equipe alvinegra, ainda assim, saiu na frente: aos 19min, em uma das primeiras chances do duelo, Guerrero ganhou de dois zagueiros e tocou para Jadson, que ajeitou para Romarinho chutar forte de fora da área e abrir o placar.

Os paulistas podiam aumentar a vantagem quatro minutos mais tarde, mas Romarinho concluiu à esquerda do gol adversário após sair livre no campo de ataque. Aos 27min, no entanto, o Sport deixou tudo igual: Leonardo ajeitou de cabeça para Augusto, que ganhou na dividida de Walter e marcou. Os corintianos, mesmo assim, voltaram a ter vantagem ainda antes do intervalo: Jadson cobrou falta aos 37min e contou com desvio na zaga para marcar.

O Sport voltou para os últimos 45 minutos pressionando e criou boas chances no início. A equipe visitante, contudo, aproveitou a primeira chance que teve. Após sobra de excelente defesa de Magrão em chute de Guerrero, Petros foi derrubado por Duval na área – o zagueiro rubro-negro foi expulso pelo pênalti cometido. Na batida, Jadson deslocou o goleiro para fazer seu segundo.

A vantagem alvinegra aumentou ainda mais aos 22min: Guerrero fez linda jogada pela esquerda e cruzou para Romarinho apenas completar para o fundo do gol. Pouco depois, Neto Baiano foi expulso por um lance que o árbitro entendeu como agressão e a situação dos corintianos ficou ainda mais tranquila. 

Tags: Brasileirão, corintianos, futebol, Recife, Vitoria

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.