Jornal do Brasil

Sábado, 26 de Julho de 2014

Esportes

Felipão diz que essa será a 'Copa dos brasileiros'

Agência ANSA

O técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari, declarou neste domingo (27), durante o programa "Fantástico" da TV Globo, que essa será a "Copa dos brasileiros" e que o Brasil tem "totais condições" de ser campeão. "É a nossa Copa. Jogar em casa, sempre tem o décimo segundo. Sempre tem o torcedor a mais", disse o técnico.    Questionado se Neymar pode ser o destaque da Copa, o treinador acredita que ele pode ser um dos "nossos melhores jogadores".    

Além disso, o técnico confirmou que já tem "21 nomes definidos e duas dúvidas" para a convocação, ressaltando que o Brasil não tem "carência" em nenhuma posição. Sobre a pressão de atuar no país, Felipão afirmou que os jogadores estão prontos. "Eu acho que os jogadores estão preparados. Uma coisa que vocês têm que entender é que eles são jovens e o jovem não tem pressão pra nada, o jovem enfrenta tudo", declarou Scolari. Já sobre os adversários, o técnico disse que "quando chega no Mundial, não tem nada de mais fácil e nós temos de jogar o primeiro jogo como se fosse o último".    

Felipão também falou sobre temas polêmicos, como a pena de morte e disse que é favorável ao casamento gay. Sobre o racismo, o técnico declarou que é preciso "combater" o problema, mas que se dá "ênfase demais" às pessoas que cometem esses atos. Sobre os possíveis protestos que podem ocorrer durante a Copa, ele afirmou que "se forem protestos normais, sem quebra-quebra, eu penso que é a democracia, é uma situação social e todos têm o direito de protestar contra a, b, alguma coisa, mas não sei se seria a hora de acontecer".    

O técnico também afirmou que não pensa ainda na aposentadoria e aproveitou para criticar a organização para a Copa do Mundo. "Nós poderíamos ter aproveitado melhor os sete anos que tivemos para a montagem de tudo que precisávamos em relação a tudo no Brasil. Aeroportos, estradas, educação, uma série de detalhes. Podíamos ter aproveitado muito, mas muito melhor. Perdemos tempo e não vamos ter mais tempo", disse Felipão.

Tags: brasil, copa do mundo, Felipão, seleção, técnico

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.