Jornal do Brasil

Quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

Esportes

Obras do Complexo Esportivo de Deodoro custarão R$ 804 milhões

Agência Brasil

A prefeitura do Rio de Janeiro lançou hoje (17) dois editais de licitação para a construção e reforma das instalações que integram o Complexo Esportivo de Deodoro. O conjunto, com nove instalações esportivas, será usada para receber 11 modalidades durante os Jogos Olímpicos de 2016 e quatro, durante os Jogos Paralímpicos. No total, as obras custarão R$ 804,2 milhões.

O primeiro edital envolverá obras no valor de R$ 647,1 milhões. Neste pacote, serão construídos o Estádio de Canoagem Slalom, as pistas de Mountain Bike e de BMX, a Arena de Rúgbi e Combinado do Pentatlo Moderno e a Arena Deodoro, onde acontecerão competições de esgrima e as preliminares do basquete feminino.

Também serão feitas reformas no Centro Nacional de Tiro Esportivo, no Centro de Hóquei sobre Grama e na piscina do Pentatlo Moderno que já existem no local e só precisarão ser readequados às exigências do Comitê Olímpico Internacional.

O segundo edital, no valor de R$ 157,1 milhões, contemplará a reforma do Central Nacional de Hipismo, onde haverá as competições de cross country, saltos e adestramento, além da construção da clínica veterinária e da Vila dos Tratadores.

A previsão é que as obras comecem no segundo semestre deste ano e sejam concluídas no primeiro semestre de 2016. Apesar da licitação ser realizada pela prefeitura, o complexo será custeado pelo Ministério do Esporte.

A licitação para a revitalização da zona do entorno do Complexo Esportivo, realizada em março, foi vencida pela empresa MRJE Construtora. Serão feitas obras de pavimentação e acessibilidade, a construção de 2 quilômetros de ciclovias, a reforma das calçadas e o plantio de árvores.

O complexo de Deodoro é uma das quatro zonas de competição olímpicas. As outras são a Barra da Tijuca, a região do Maracanã e a zona sul da cidade (que inclui Copacabana, Lagoa e Aterro do Flamengo).

Tags: complexo, deodoro, esporte, hipismo, hóquei, Rio, tiro

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.