Jornal do Brasil

Quinta-feira, 31 de Julho de 2014

Esportes

Aniversariante, Atlético-PR perde para Vélez e fica ameaçado

Portal Terra

No dia em que completou 90 anos de fundação, o Atlético-PR acertou a trave duas vezes, se manteve no campo de ataque durante todo o jogo e atuou os minutos finais com um homem a mais. Apesar disso, em pleno Estádio Durival Britto e Silva, foi derrotado pelo Vélez Sarsfield, da Argentina, e perdeu a liderança do Grupo 1 da Copa Libertadores. Contra os argentinos, os paranaenses levaram 3 a 1 no marcador.

O resultado deixa o Atlético-PR com nove pontos, na segunda colocação, enquanto o Vélez Sarsfield chega a 12, se isolando na ponta e se classificando. The Strongest, da Bolívia, tem seis pontos e enfrenta o lanterna Universitário, do Peru, que tem 0 pontos. Mesmo se os bolivianos não vencerem, vão definir a seguna vaga na última rodada contra o repesentante brasileiro. A partida está marcada para 8 de maio, na temida altitude de La Paz.

O Vélez Sarsfield começou bem a partida e abriu o placar logo aos 7min, o que acabou por surpreender e pressionar o Atlético-PR. Romero lançou Allione, que aproveitou vacilo da zaga para bater cruzado e vencer Wewerton. O time paranaense então se atirou no ataque e perdeu chance incrível aos 28min, quando o goleiro Sosa saiu jogando mal, e a bola acabou sobrando para Bruno Mendes acertar a trave, mesmo com o gol aberto.

No segundo tempo, o Atlético-PR manteve a equipe no campo de ataque e pressionou até chegar ao empate, aos 9min. Mirabaje cobrou falta na área e Dráusio desviou de cabeça. A empolgação, no entanto, durou pouco: logo aos 15min, Cabral cruzou na área para finalização de Pratto, recolocando o Vélez Sarsfield na primeira colocação.

Mais uma vez, o Atlético-PR se atirou no campo de ataque, enquanto a partida ia ficando mais tensa – discussões e jogadas ríspidas começaram a se multiplicar no gramado. Aos 30min, a equipe da casa perdeu sua melhor chance. Sueliton cruzou da direita e Ederson finalizou, mas Sosa fez grande defesa; Douglas Coutinho ficou com o rebote e, de primeira, chutou forte, mas a bola acertou a trave.

No final, o Vélez Sarsfield teve um jogador expulso: Papa, por agressão fora de disputa de bola. Mesmo assim, o time argentino conseguiu encontrar o Atlético-PR desarrumado na defesa. Aos 48min, em contra-ataque, Canteros recebeu bola próximo à área e, de longe, chutou com força para vencer o adiantado goleiro Wewerton e determinar a vitória por 3 a 1.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-PR 1 X 3 VÉLEZ SARSFIELD-ARG

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba

Data: 26 de março de 2014, quarta-feira

Horário: 22 horas (de Brasília) 

Árbitro:  Wilmar Roldan (Fifa-COL) 

Assistentes: Eduardo Diaz e Alexander Guzman (ambos Fifa-COL)

Cartões amarelos: João Paulo e Ederson (Atlético-PR); Sosa (Vélez Sarsfield) 

Cartões vermelhos: Frán Mérida (Atlético) e Emiliano Papa (Velez Sarsfield)

GOLS:

ATLÉTICO-PR: Dráusio, aos 08 minutos do segundo tempo 

VÉLEZ SARSFIELD-ARG: Agustín Allione, aos 7 minutos do primeiro tempo e Lucas Pratto, aos 14 minutos e Canteros, aos 48 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-PR: Weverton; Sueliton, Manoel (Dráusio), Cleberson e Natanael; João Paulo, Paulinho Dias e Matías Mirabaje (Felipe); Ederson, Douglas Coutinho e Bruno Mendes (Marcelo). 

Técnico:  Miguel Ángel Portugal

VÉLEZ SARSFIELD-ARG: Sebastián Sosa; Fabián Cubero, Sebastián Domínguez, Fernando Tovio, Emiliano Papa; Agustín Allione, Lucas Romero, Leandro Desábato, Ariel Cabral (Héctor Canteros); Lucas Pratto (Roberto Nanni) e Jorge Correa (Facundo Cardozo) 

Técnico: José Flores

Tags: Disputa, esporte, furacão, futebol, jogo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.