Jornal do Brasil

Sábado, 20 de Setembro de 2014

Esportes

Artilheiro do Paraná fala sobre eliminação: "Foi vergonhoso"

Portal Terra

Depois de vencer o primeiro jogo no duelo das quartas de final, o Paraná assumiu o rótulo de favoritíssimo para o clássico deste domingo. O time jogava pelo empate, na Vila Capanema e com torcida única. Além disso, duas semanas antes os paranistas haviam goleados o Atlético-PR por 4 a 0 no mesmo local. Mas tudo isso foi por água abaixo, já que desta vez os atleticanos venceram por 2 a 0 e eliminaram os tricolores. O fato gerou muito protesto dos torcedores presentes no estádio.

Nas arquibancadas os torcedores protestavam contra a diretoria, já que a má fase do clube parece não ter fim. "É uma vergonha isso. É sempre assim. Cartão vermelho para esses dirigentes. Nós não somos obrigados a passar por isso", desabafou um paranista presente na Vila Capanema, que estava com o pequeno filho, que chorava muito pelo vexame do time em casa.

Já no gramado, o atacante Giancarlo estava visivelmente abatido e reconheceu o vexame. "Foi vergonhoso. Inadmissível. Não há explicação para isso. Nem passava pela minha cabeça essa possibilidade", afirmou o artilheiro do Campeonato Paranaense, que teve uma atuação apagada nesse domingo.

Quem também falou sobre a eliminação foi o meia Lúcio Flávio. "Não tivemos capacidade para conseguir sequer o empate. Eles foram melhores, marcaram bem e exploraram os nossos erros", lamentou o capitão paranista.

Agora o Paraná só volta a campo no dia 10 de abril, quando volta a encarar o São Bernardo pela Copa do Brasil. No jogo de ida, empate por 1 a 1 no ABC Paulista.

 

Tags: eliminação, fase, futebol, paraná, ruim

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.