Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Setembro de 2014

Esportes

Após críticas, Aranha exalta defesa protegida e cita melhora

Portal Terra

O goleiro Aranha deixou a Vila Belmiro exaltando nova a postura defensiva do Santos na vitória por 2 a 1 no clássico contra o Palmeiras, neste domingo, que rendeu a equipe a melhor campanha da primeira fase do Campeonato Paulista. O camisa 1 santista aprovou o esquema mais protegido testado pelo técnico Oswaldo de Oliveira e alegou que o triunfo dará moral para a fase de de mata-matas.

"Tivemos a felicidade de estar bem defensivamente e ganhamos o jogo", afirmou o goleiro. "Fico feliz e colaborar com a defesa. Nós sabíamos que não tinha tanta importância o jogo com relação a pretensões na competição, mas essa vitória nos dá moral", completou.

Oswaldo optou por poupar cinco titulares para o confronto: o lateral direito Cicinho, o zagueiro Jubal, o volante Arouca, o meia Cícero e o centroavante Leandro Damião. Com isso, promoveu as entradas de Alan Santos e Alison no meio, responsáveis pelas marcações de Bruno César e Valdivia no meio.

Aranha, no entanto, foi testado em defesas difíceis nas finalizações de Bruno César e Alan Kardec e ainda sofreu um gol no fim, marcado por Kardec.

Oswaldo não ficou nada satisfeito com as falhas que resultaram nos gols do Rio Claro no empate por 3 a 3 no último domingo, sendo dois gols provenientes de bolas cruzadas na área. O técnico passou boa parte da semana anterior intensificando trabalhos defensivos com o setor, que já despertava preocupação pelas modificações recentes.

"É a ação defensiva que me preocupa, e não o setor ofensivo, porque a ação defensiva é fruto de um conjunto. Os atacantes também participam disso. Nesse particular nós temos de nos preparar melhor", completou.

Com a vitória, o Santos foi a 36 pontos e terminou a primeira fase a um do Palmeiras, líder geral da competição. A equipe enfrentará a Ponte Preta pelas quartas de final da competição, em jogo único na Vila. A vantagem será mantida para a semifinal e só poderá ser perdida caso enfrente o rival deste domingo em uma eventual final. A decisão, no entanto, é decidida em duas partidas, com a vantagem do último jogo em casa para a melhor campanha geral, contabilizando a pontuação das fases de quartas e semifinal.

Tags: final, futebol, palmeiras, Paulista, Santos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.