Jornal do Brasil

Sábado, 22 de Novembro de 2014

Esportes

Romário faz duras críticas ao presidente da Fifa

O deputado questionou os altos custos da Copa

Jornal do Brasil

O deputado federal Romário (PSB-RJ) não poupou críticas ao presidente da Fifa, Josph Baltter, e ao secretário-geral da entidade, Jérôme Valcke, em entrevista nesta quarta-feira (12) ao canal ESPN Brasil. "Ele mesmo acabou de dizer que a Copa no Brasil pode ser uma das piores da história da Fifa. Esse cara vem aqui no País, manda, desmanda, fala, desfala, e todo mundo bate palma. Esse cara é um dos maiores chantagistas do esporte mundial. Ele foi mandado embora, depois fez uma chantagem com o presidente da Fifa que é um ladrão corrupto, filho da p...", afirmou Romário.

Romário também colocou em xeque a idoneidade das autoridades à frente da organização do evento no Brasil e os representantes da CBF. "A Fifa têm dois ladrões conhecidos pelos brasileiros, porque lá são muito mais de dois, tanto na CBF quanto na Fifa, que é o Blatter e o Jérôme Valcke. Os caras vão ficar bilionários com a Copa do Mundo e está tudo certo”, disse ele.

Romário vem há tempos criticando os altos custos da realização da Copa do Mundo no Brasil e na entrevista fez questão de comentar o atraso das da Arena da Baixada, em Curitiba. "A gente já gastou um absurdo para a Copa do Mundo, e daqui para frente vai ficar mais absurdo ainda. Muitas dessas obras, como por exemplo o Estádio do Atlético-PR, estão em fase emergencial. As licitações não devem ser mais daquelas formas burocráticas, para que o dinheiro entre. E uma coisa que custaria 20 vai custar 60", afirmou o ex-jogador. Segundo ele, o estádio só foi reconfirmado para o Mundial no dia 18 de fevereiro.

Tags: bilionários, Copa, Corrupto, Fifa, história, idoneidade

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.