Jornal do Brasil

Domingo, 26 de Outubro de 2014

Esportes

'The Guardian': Valcke está preocupado com os prazos da Copa do Mundo

Jornal do Brasil

O jornal londrino The Guardian publicou reportagem no sábado (1) na qual destaca a preocupação do secretário-Geral da Fifa, Jérôme Valcke, com os prazos para a Copa do Mundo no Brasil.

De acordo com a reportagem, Valcke afirma que a Fifa tem pela frente um grande desafio, devido a atrasos na construção de estádios brasileiros.

"Estamos trabalhando em condições em que o cimento ainda não está seco", disse Valcke, a 100 dias do pontapé inicial do mundial.

De acordo com The Guardian, Valcke afirmou também que é preciso ainda instalar todas as soluções de TI para a mídia, e que para isso é preciso um prazo de pelo menos 90 dias. "Nós temos que trabalhar para todas as pessoas que têm interesse , os nossos parceiros comerciais, nossos parceiros de mídia, hospitalidade..."

De acordo com a reportagem, Valcke afirmou que acredita que as coisas "vão funcionar bem", mas destacou também que "sempre que recebe algo tarde, torna-se um desafio para torná-lo pronto a tempo."

O secretário-geral da Fifa afirmou que a situação "não tem sido fácil, com certeza" e que, a 100 dias do primeiro jogo, o "estádio em São Paulo ainda não está pronto e não estará pronto até 15 de maio. E como você sabe mais dois estádios [em Curitiba e Manaus ] estão bastante atrasados"

The Guardian lembrou que, há dois anos, Valcke afirmou que o Brasil precisava de um pontapé no traseiro, frase que causou polêmica e enfureceu o comitê organizador local.

Ao ser perguntado se os brasileiros agora precisavam de outro pontapé no traseiro, Valcke desviou a questão .

"Pergunte-me quando a Copa do Mundo acabar", respondeu ele.

Tags: atraso, Copa, estádio, Fifa, valcke

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.