Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Esportes

Fifa recebe 3,5 milhões de pedidos de ingresso em 2ª fase de vendas

Portal Terra

A Fifa anunciou nesta quinta-feira que recebeu um total de 3.505.656 de solicitações de ingresso durante a segunda fase de vendas de entradas para a Copa do Mundo de 2014. De acordo com o diretor de marketing da entidade internacional que regula o futebol mundial, a quantidade de pedidos é "dez vezes superior" ao estoque de entradas que a federação possui.

"Com um total de pouco mais de 3 milhões de ingressos disponíveis para os 12 estádios, os pedidos são em quantidade pelo menos 10 vezes superior ao estoque que temos. Naturalmente, esse nível de demanda pode causar decepção, insatisfação e incompreensão entre os fãs de futebol. Este é o maior problema com ingressos para a Copa do Mundo da FIFA, já que não podemos agradar a todos", explicou Weil, encarregado da venda de ingressos.

De acordo com a Fifa, cerca de 500 mil torcedores de 199 países foram os responsáveis pela demanda por ingresso. A maior procura continuar de brasileiros: aproximadamente 80% das entradas solicitadas são de residentes do Brasil, que é fonte de 2,6 milhões de pedidos.

Os pedidos estavam abertos para 62 das 64 partidas do principal torneio entre seleções - apenas a abertura e a final não podiam ser requisitadas. Os torcedores dos 32 países participantes ainda têm até o dia 7 de fevereiro para solicitar ingressos específicos para a seleção do país em que são residentes. Nesta seção específica, a Fifa diz ter recebido pedidos de 95.848 torcedores, que requisitaram um total de 585.350 ingressos de seleções participantes.

A próxima fase de sorteio será realizada em fevereiro e, de acordo com a entidade internacional, será vistoriada por representantes da Caixa Econômica Federal e do Ministério do Esporte, além de um tabelião público. O sucesso - ou não - dos pedidos será informado por e-mail ou mensagem de texto até 11 de março.

Tags: brasil, entradas, jogos, Mundial, pedidos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.