Jornal do Brasil

Terça-feira, 29 de Julho de 2014

Esportes

Com 97% das obras concluídas, Arena Corinthians será entregue até 15 de abril

Jornal do Brasil

O gramado está plantado, as cadeiras já ocupam grande parte das arquibancadas, os 20 mil assentos em estruturas temporárias seguem em construção e a previsão é de que os destroços decorrentes do acidente ocorrido no fim de 2013 sejam removidos completamente até o fim de janeiro. Com isso, as intervenções na Arena Corinthians, palco da abertura da Copa do Mundo da Fifa e de outras cinco partidas, estão 97% concluídas, segundo os responsáveis, e a previsão é de que a obra seja entregue até, no máximo, 15 de abril.

Os dados foram apresentados na primeira escala do tour de visitas aos estádios do Mundial de 2014. A comitiva reuniu integrantes da Fifa, do Comitê Organizador Local, do governo federal e de representantes estaduais e municipais nesta segunda-feira (20), em São Paulo. 

Diante do diagnóstico na capital paulista, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, se disse confiante de que tudo estará ajustado para a abertura da Copa, em 12 de junho, na partida entre Brasil x Croácia. Ele também comemorou o recorde de pedidos de ingressos para uma Copa do Mundo – cerca de 10 milhões de pedidos.

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, reforçou que, além da estrutura esportiva, há ações que deixarão legado na Zona Leste de São Paulo, região com o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da capital paulista.

“Com a proximidade do evento, aumentam as expectativas do país, do mundo, da imprensa, em relação ao andamento dos preparativos. Já ouvimos o relato do andamento das obras do estádio. e vimos, com o governo e a prefeitura, a evolução das obras do legado em mobilidade. Elas estarão prontas e entregues à população antes da Copa”, afirmou. “Com isso, a Zona Leste de São Paulo recebe valorização como área de vivência comercial e industrial. É o que queremos. É o que esperamos”, comentou o ministro.

Tags: atrasos, brasil, Copa, estádios, Obras

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.