Jornal do Brasil

Domingo, 31 de Agosto de 2014

Esportes

Filas, protestos e reclamações marcam primeiro jogo do Maracanã em 2014

Portal Terra

Imensas se filas se formaram nas bilheterias do estádio do Maracanã na tarde deste domingo, para a primeira partida de Flamengo e Audax-RJ pelo campeonato Carioca. Nem o sol forte diminuiu o ânimo dos torcedores rubro-negros, que eram a grande maioria em busca de um ingresso. 

As reclamações e manifestações aconteceram tanto do lado de fora quanto dentro do estádio, nas arquibancadas. Os rubro-negros cantaram pedindo "abaixa os ingressos", além de gritarem "Bandeira, presta atenção, mais respeito com a torcida do Mengão", direcionando o protesto ao presidente do clube da Gávea.

O pernambucano Ricardo Souza que passa férias no Rio aproveitou para conhecer o estádio e assistir uma partida do seu time do coração em ação, nem a imensa fila nas bilheterias desanimou o jogador. Acompanhado de amigos cariocas, o engenheiro nem se importou em saber que quem estaria em campo hoje eram os reservas do clube da Gávea.

“Ontem soube pelos meus amigos que o Flamengo jogaria hoje no Maracanã. Não poderia deixar de conhecer o estádio no dia de um jogo do meu time do coração. Será a primeira vez que vou ver o Flamengo e ainda no Maracanã, não poderia ser melhor. Infelizmente não vai ter nenhum jogador titular, queria muito ver o Léo Moura e o Hernane, mas quem sabe eu ainda consigo vê-los em campo”, disse o pernambucano.

Amigo de Souza, André Rodrigues reclamou bastante da fila e da falta de informações corretas. Segundo o analista de sistemas, ninguém sabia informar nada e os ingressos caros não justificam o mau atendimento.

“Pagamos muito caro para assistir uma partida no Maracanã. Ë absurdo pagar essa fortuna por um ingresso para ver um jogo do Carioca, ainda mais com o time só de reservas. Sessenta reais é muito dinheiro e eles (Flamengo e concessionária Maracanã S.A.) não oferecem nenhuma estrutura. Já estamos aqui há mais de uma hora, nesse sol forte e parece que não saímos do lugar”, reclamou muito o carioca na fila.

Em frente ao portão 18 do Maracanã, cerca de 30 torcedores do Audax-RJ estavam revoltados com os dirigentes do clube de São João de Meriti, que prometeram transporte e ingressos para a partida e sumiram, deixando-os na mão.

“Durante a semana conversamos com os dirigentes e eles prometeram nos dar transporte e ingressos para assistir a partida hoje. Quando fomos pegar o tal ônibus que prometeram não tinha nada. Viemos até aqui pagando o nosso transporte e até agora ninguém apareceu para nos dar qualquer satisfação. Ainda temos esperança de poder ver o jogo”, disse Thiago Silva revoltado com a situação.

Já cerca de cem torcedores rubro-negros fizeram um protesto pacífico em frente à bilheteria E do estádio devido ao alto custo dos ingressos. Com tambores, bumbos e bandeiras os manifestantes pediam um futebol para todos. Para a partida deste domingo do Estadual os bilhetes de sócios-torcedores custavam R$ 40 inteira e R$ 20 a meia os mais baratos e o mais caro R$ 120. Para os demais torcedores os valores variavam de R$ 60 a R$ 160 a inteira.

Tags: entradas, Maraca, preços, reclamações, Torcida

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.