Jornal do Brasil

Sábado, 29 de Novembro de 2014

Esportes

De C. Ronaldo favorito a Fernanda Lima estrela; saiba tudo sobre a Bola de Ouro

Portal Terra

A Fifa divulgará, nesta segunda-feira, os vencedores da Bola de Ouro da temporada 2013. A cerimônia do prêmio acontecerá em Zurique, na Suíça, e será marcada por um cenário incomum nos últimos anos: Lionel Messi, que levou os prêmios de melhor jogador do mundo entre 2009 e 2012 diante de pouco questionamento, tem boas chances de perder a coroa para Cristiano Ronaldo, favorito à conquista da principal premiação do evento com início às 15h30 (de Brasília) e acompanhamento em tempo real pelo Terra. Campeão europeu com o Bayern de Munique, Franck Ribéry também corre por fora, com mais chances do que "coadjuvantes" de edições anteriores.

Com uma série de lesões nos últimos meses, o argentino do Barcelona teve dificuldades para acompanhar o ritmo de Cristiano Ronaldo, do Real Madrid. Com 20 gols na temporada 2013/2014, contra oito do argentino, o melhor jogador do mundo em 2008 desponta como líder das apostas. E mesmo com o ano sem títulos, o astro português tem a seu favor as atuações individuais – inclusive pela seleção portuguesa, em especial nas atuações decisivas pela repescagem europeia para a Copa do Mundo de 2014.

Porém, com a temporada quase perfeita do Bayern de Munique, Franck Ribéry surge como principal rival de Cristiano Ronaldo na briga. Sem jamais ter sido indicado entre os finalistas do prêmio, o francês colhe os frutos das conquistas do Bayern em 2013 (Campeonato Alemão, Copa da Alemanha, Liga dos Campeões, Supercopa da Europa e Mundial de Clubes). De quebra, ainda foi eleito o melhor jogador da Liga dos Campeões.

A categoria de melhor jogador masculino do ano é a mais aguardada da cerimônia, mas não é a única em disputa. Entre as mulheres, Marta foi finalista nos oito últimos anos, mas perdeu em 2005, 2011 e 2012. Ainda assim, é a maior vencedora da história do prêmio, com cinco títulos: 2006, 2007, 2008, 2009 e 2010. A alemão Nadine Angerer (do Brisbane Roar-AUS) e a americana Abby Wambach (do Western New York Flash-EUA) são as outras duas finalistas.

Entre os treinadores, a prêmio masculino será disputado por Alex Ferguson (aposentado, ex-Manchester United), Jupp Heynckes (aposentado, ex-Bayern de Munique) e Jurgen Klopp (Borussia Dortmund). Entre os comandantes de times femininos, decidem a premiação Ralf Kellermann (Wolfsburg-ALE), Silvia Neid (da seleção da Alemanha) e Pia Sundhage (técnica da Suécia).

Polêmica

Ainda que seja favorito ao prêmio referente a 2013, Cristiano Ronaldo pode não subir ao palco para receber seu desejado troféu. O motivo: uma rusga com Joseph Blatter, que não ficou totalmente resolvida.

Em outubro, o presidente da Fifa disse que preferia o perfil “bom garoto” de Lionel Messi, ao invés do jeito de “comandante” de Cristiano Ronaldo. De quebra, Blatter ainda disse que o português gastava “dinheiro demais” com o cabeleireiro e que preferia o argentino como jogador.

Mais tarde, o dirigente se desculpou com o português – que chegou a comemorar um gol batendo continência em campo. As duas partes colocaram panos quentes na questão, mas o meia do Real Madrid já ameaçou boicotar o evento deste ano.

Apresentação de Fernanda Lima

A brasileira Fernanda Lima será a apresentadora do evento na Suíça. Destaque do sorteio da Copa do Mundo, realizado na Costa do Sauípe (BA) em dezembro, a modelo gaúcha ganhou moral com a Fifa e comandará o cerimonial ao lado do ex-jogador holandês Ruud Gullit – que, por sua vez, já tem experiência anterior com o evento.

Aos 36 anos, Fernanda Lima está na TV desde 1999, ano de sua estreia na MTV, mas ganhou destaque nacional apenas ao se transferir para a RedeTV! meses depois, quando passou a apresentar um programa de videoclipes. Desde então, passou de novo pela MTV e chegou à Rede Globo em 2005, na qual atua como atriz e apresentadora.

Em dezembro, Fernanda Lima ganhou destaque mundial ao apresentar o sorteio dos grupos da Copa do Mundo de 2014. Na ocasião, esteve ao lado do marido, Rodrigo Hilbert.

Mais prêmios

Pelo quarto ano consecutivo, Neymar foi indicado ao Prêmio Férenc Puskas, dedicado ao gol mais bonito do ano. O atacante foi indicado pelo gol marcado diante do Japão na vitória por 3 a 0, em jogo pela abertura da Copa das Confederações. Em 2011, jogando pelo Santos, ele faturou a premiação.

O cerimonial em Zurique também dará o Prêmio Fair Play, dedicado aos gestos de esportividade, e o Prêmio Presidencial, escolhido por Joseph Blatter por algum gesto de destaque ao longo do ano.

Tags: Bola, escolha, futebol, Ouro, premiação

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.