Jornal do Brasil

Sábado, 2 de Agosto de 2014

Esportes

A 150 dias da abertura, Copa aguarda entrega de metade dos estádios

Portal Terra

Daqui a 150 dias, Brasil e Croácia se enfrentarão na Arena Corinthians para abrir a Copa do Mundo de 2014. O período de cinco meses que separa esta segunda-feira da abertura do Mundial precisa ver a entrega da metade dos estádios que receberão a competição. Nenhuma arena foi finalizada desde a Copa das Confederações, quando as outras seis já foram utilizadas.  

No domingo, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, voltou a dizer que o prazo estourado na entrega das obras prejudica a programação da entidade. O limite inicial era dezembro de 2013, mas este prazo foi prorrogado em todos os casos.

Apenas duas arenas deverão ser inauguradas em janero. A primeira será a Arena das Dunas, em Natal, que se recuperou do ritmo lento de suas obras e será apresentada no dia 22 de janeiro. O evento que contará com a presença da presidente Dilma Rousseff.

Já no dia 26, a Arena das Dunas receberá suas primeiras partidas da história. Pelo terceira rodada do grupo A da Copa do Nordeste, o América-RN enfrentará o Confiança-SE às 17h (de Brasília). Já às 20h (de Brasília), será a vez de um clássico natalense pela 5ª rodada do grupo A do Campeonato Potiguar: ABC x Alecrim.

Entre os outros cinco estádios, o Beira-Rio está bastante avançado e receberá no próximo dia 29 a partida entre Internacional e São Paulo do Rio Grande, jogo válido pelo Campeonato Gaúcho, como primeiro teste. A Arena Amazônia é outra que também está bem próxima de sua entrega.

A situação piora com os três restantes. A Arena da Baixada luta para encerrar logo suas obras e teve que abandonar o projeto de instalar a cobertura, ideia que ficou para ser concretizada após a Copa do Mundo. Já a Arena Pantanal corre para terminar a cobertura, instalar as cadeiras e finalizar o gramado.

A Arena Corinthians é um caso diferente. O estádio de Itaquera teve suas obras prejudicadas por conta de acidente com guindaste que ocasionou a morte de dois operários e na danificação de parte do prédio leste. A promessa do clube paulista é que a casa da abertura da Copa receba eventos teste em abril.

Tags: 2014, brasil, competição, futebol, Mundial

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.