Jornal do Brasil

Sábado, 19 de Abril de 2014

Esportes

Ex-jogador alemão assume homossexualidade

Thomas Hitzlsperger tem 52 partidas e seis gols pela seleção

Agência ANSA

 O ex-jogador alemão Thomas Hitzlsperger, de 31 anos e com passagem pela seleção de seu país, assumiu que é gay. A declaração foi dada em uma entrevista à revista Die Zeit.

    "Declaro minha homossexualidade porque quero ver progressos neste tema no mundo do esporte profissional", afirmou o ex-atleta, que disse também que a tomada de consciência sobre a própria opção sexual foi um "processo longo e difícil". "Apenas nos últimos anos eu entendi que prefiro viver com homens. Na Inglaterra, Alemanha ou Itália a questão da homossexualidade não é levada a sério, sobretudo nos vestiários", acrescentou.

    Hitzlsperger nasceu em Munique e cresceu nas categorias de base do Bayern, mas seu primeiro contrato profissional foi assinado com o Aston Villa (2001-2005), da Inglaterra. Em 2005, ele se transferiu para o Stuttgart, onde permaneceu até 2010, antes de iniciar uma breve passagem pela Lazio. O ex-jogador ainda atuou por West Ham, Wolfsburg e Everton, clube pelo qual se aposentou em meados de 2013 por conta das recorrentes lesões.

    O ex-jogador também vestiu a camisa da seleção de seu país em 52 partidas e marcou seis gols. O governo alemão aprovou a decisão do ex-atleta de assumir sua opção sexual e, por meio do seu porta-voz, Steffen Seibert, afirmou que na Alemanha "ninguém deve ter medo de declarar a própria sexualidade por temer a intolerância". (ANSA)

Tags: entrevista, futebol, gay, jogador, seleção

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.