Jornal do Brasil

Sábado, 29 de Novembro de 2014

Esportes

Jornal: Schumacher passa por nova tomografia e resultado preocupa médicos

Portal Terra

O diário francês Journal du Dimanche divugou uma atualização sobre o estado de saúde de Michael Schumacher, internado há oito dias em um hospital na cidade de Grenoble em coma induzido. De acordo com a publicação, o ex-piloto alemão passou no sábado por um eletroencefalograma, e o resultado foi alarmante.

O jornal divulgou tal informação baseado em declarações de “fontes internas” do Centro Hospitalar Universitário de Grenoble. De acordo com as pessoas ouvidas, a tomografia craniana (uma varredura pelo cérebro do paciente) foi realizada no sábado e apresentou um resultado “muito ruim”, causando “preocupação” nos médicos.

Schumacher foi internado no último domingo, 29 de dezembro, depois de sofrer um importante traumatismo craniano enquanto esquiava nos Alpes franceses – ele perdeu o equilíbrio e bateu a cabeça contra uma rocha, em uma pista não delimitada na estação de Méribel.

O ex-piloto alemão já foi submetido a duas cirurgias para dreno de hematomas e redução da pressão intracraniana, mas ainda é mantido em coma artificial. É impossível traçar um prognóstico sobre recuperação ou sequelas enquanto ele não retomar a consciência.

A equipe médica que cuida de Schumacher não se pronuncia desde a última terça-feira, 31 de dezembro. Na ocasião, os especialistas avisaram que não falariam com a imprensa enquanto não houvesse alterações no quadro clínico do ex-piloto, que desde então estaria em situação “crítica, porém estável”.

As únicas informações oficiais sobre o estado de saúde de Schumacher foram dados por Sabine Kehm, porta-voz do ex-piloto alemão. O último comunicado havia sido publicado no sábado, quando ela inclusive condenou as especulações não oficiais sobre o quadro clínico do heptacampeão mundial de Fórmula 1.

Tags: acidente, alemão, crânio, F1, piloto

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.