Jornal do Brasil

Sexta-feira, 18 de Abril de 2014

Esportes

Polícia isola torcidas de Lusa e Flu fora do tribunal

Portal Terra

Enquanto auditores decidem o futuro do Campeonato Brasileiro em uma sala do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o clima ficou quente no lado de fora do tribunal, que fica localizado no Centro do Rio de Janeiro. Já com a sessão em andamento, cerca de 30 torcedores da Portuguesa, que vieram ao Rio de Janeiro de ônibus e avião, chegaram ao local e tiveram que ser separados da torcida do Fluminense, que já contava com cerca de 50 pessoas na porta do prédio, por um cordão de isolamento da polícia.

Ambas as torcidas passaram a trocar provocações e ofensas após a chegada dos torcedores do clube da capital paulista. Os rubro-verdes lembravam um suposto novo "tapetão" a favor do time carioca. A torcida da Portuguesa recebeu reforço de flamenguistas, que também se indignam na porta do tribunal contra a possível nova "virada de mesa" a favor do Fluminense.

Há a presença de torcidas organizadas das três equipes envolvidas no julgamento. Por segurança, foram escalados cerca de 80 policiais para fazer a segurança do lado de fora do prédio onde fica situado o STJD e evitar confusões. Os gritos dos torcedores dos dois times são ouvidos de dentro da sala do tribunal, onde os advogados e auditores fazem sua argumentação. 

O prédio comercial no qual fica situada a sala do STJD foi totalmente fechado para evitar invasões. Mais cedo, o comércio da região já havia fechado as portas, temeroso com a promessa de grande movimentação na região. 

Tags: esportiva, julgamento, justiça, superior, Tribunal

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.