Jornal do Brasil

Quarta-feira, 23 de Abril de 2014

Esportes

Rivais tentam atrapalhar treino do Atlético-MG e são expulsos por polícia

Portal Terra

Um grupo de aproximadamente 20 torcedores do Raja Casablanca resolveu dar uma pitada de rivalidade à semifinal do Mundial de Clubes neste sábado. Empolgados e barulhentos, os fãs do time marroquino apareceram nas imediações do campo anexo do Grand Stade de Marrakech e tentaram atrapalhar a atividade que o treinador Cuca planejou para o Atlético-MG neste domingo. A polícia agiu rápido, porém, e expulsou a torcida poucos minutos depois.

O Raja derrotou o mexicano Monterrey por 2 a 1 no sábado e garantiu a vaga para enfrentar o Atlético-MG na semifinal do Mundial. Cantando alto uma melodia “argentinizada” em árabe e dependurados do lado externo das grades do estádio, os torcedores mostraram grande otimismo e apostaram na classificação do time marroquino, mencionando placares de 2 a 0 e de 2 a 1 a favor do time marroquino.

Os seguranças do estádio e os policiais de Marrakech pediram para que os fãs deixassem o local menos de 10 minutos depois, e os torcedores se retiraram pacificamente – a viatura, aliás, havia deixado o local antes mesmo de os fãs do Raja irem embora, cumprimentando em espanhol os jornalistas brasileiros e citando Ronaldinho e Maradona. Mais tarde alguns curiosos acompanharam o treinamento, sob olhares de um reforço policial que apareceu por ali.

Atlético-MG e Raja Casablanca medem forças nesta quarta-feira no Grand Stade de Marrakech, no segundo jogo da semifinal do Mundial de Clubes. Um dia antes, em Agadir, o alemão Bayern de Munique encara o chinês Guangzhou Evergrande.

Tags: Atlético, Esportes, Galo, marrocos, MG, mineiro, Mundial

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.