Jornal do Brasil

Domingo, 20 de Abril de 2014

Esportes

Ex-vereador de Curitiba é um dos envolvidos no "massacre de SC"

Portal Terra

A pancadaria envolvendo torcedores do Atlético-PR e Vasco neste domingo, na Arena Joinville, teve um personagem conhecido dos curitibanos. Nas fotos divulgadas, o ex-vereador Juliano Borghetti aparece junto com integrantes da torcida Os Fanáticos, vestindo uma regata da facção.

Atleticano declarado, o político costuma viajar para outras cidades com objetivo de acompanhar seu time de coração. Em sua página no Facebook, inclusive, uma foto com a mesma roupa utilizada neste final de semana foi postada e excluída assim que o assunto ganhou repercussão. Em outra imagem, o político é visto no Estádio Maracanã, na partida entre Botafogo e Atlético-PR, com roupa semelhante.

Ex-vereador Juliano Borghetti foi visto em fotos da confusão entre torcedores do Atlético-PR e Vasco
Ex-vereador Juliano Borghetti foi visto em fotos da confusão entre torcedores do Atlético-PR e Vasco

Na final da Copa do Brasil, dia 27 de novembro, no Rio de Janeiro, foi flagrado pelo RJTV, telejornal local da Rede Globo do Rio de Janeiro, urinando em via pública antes de entrar no Maracanã.

Ex-vereador foi identificado em imagens divulgadas nas redes sociais
Ex-vereador foi identificado em imagens divulgadas nas redes sociais

Desde a manhã desta segunda-feira, circulam nas redes sociais fotos e vídeos que indicam a participação de Borghetti no conflito. Ex-parlamentar, Borghetti é atual superintendente da EcoParaná, vinculada à Secretaria de Estado do Turismo (SETU), casado com a ex-vereadora Renata Bueno (PPS) - agora, deputada na Itália.

Filiado ao PP, Borghetti foi vereador em Curitiba entre 2009 e 2012, não se reelegeu, mas ganhou um cargo no governo Beto Richa (PSDB), uma vez que participou da chapa de Luciano Ducci (PSB), candidato apoiado pelo governador e sua mulher abriu mão da candidatura à prefeitura para apoiar o então prefeito, candidato à reeleição.

Até as 15h desta segunda-feira, Borghetti não havia sido encontrado para comentar os incidentes.

Tags: briga, estádio, furacão, político, vasco

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.