Jornal do Brasil

Quinta-feira, 24 de Abril de 2014

Esportes

Grupo G é a chave mais "valiosa" da Copa do Mundo de 2014, diz consultoria

Portal Terra

Apesar do Grupo D ser considerado por muitos a "chave da morte" da Copa do Mundo de 2014, uma análise financeira feita pela Pluri Consultoria e divulgada na tarde desta sexta-feira, após o sorteio da Copa, realizado na Costa do Sauípe, aponta que o Grupo G é o que tem os jogadores com maior valor de mercado entre todos. A chave conta com Alemanha, Gana. Estados Unidos e Portugal. 

De acordo com a consultoria, que analisa os prováveis convocados de cada país com base em 17 critérios distintos, os 736 atletas que possivelmente serão convocados para o torneio valem, juntos, R$ 18,1 bilhões; Com Cristiano Ronaldo, o Grupo G é o destaque, com o valor de R$ 2,8 bilhões;

A seleção mais cara da chave é a Alemanha, com R$ 1,4 bilhão, seguida por Portugal (R$ 990 milhões) - Estados Unidos (R$ 159 milhões) e Gana (R$ 261 milhões) completam, com uma grande diferença para as duas primeiras. 

A Seleção Brasileira é a mais valiosa, segundo os dados divulgados. Os comandados de Felipão, que estão na segunda chave mais "cara", teriam um valor de mercado de R$ 1,577 bilhão, seguidos pela Espanha, que conta com um elenco de R$ 1,562 bilhão.

O grupo mais fraco pelo valor seria o C, que conta com Colômbia, Costa do Marfim, Japão e Grécia. Os quatro elencos juntos superam por muito pouco a Seleção Brasileira sozinha: valem R$ 1,6 bilhão. Mais um dado curioso é que o Grupo F tem a maior diferença entre duas seleções: a Argentina vale 21,6 vezes mais que o Irã. 

Tags: chave, Fifa, grupos, Mundial, sorteio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.