Jornal do Brasil

Esportes

Pouille vence batalha de 5 sets e deixa França perto da final da Davis

Jornal do Brasil

Lucas Pouille deixou a França perto da final da Copa Davis nesta sexta-feira. No segundo jogo do duelo, o francês enfrentou uma batalha de cinco sets para derrotar o espanhol Roberto Bautista Agut por 3 sets a 2, com parciais de 3/6, 7/6 (7/5), 6/4, 2/6 e 6/4, em 3h41min, na quadra dura e coberta da cidade francesa de Lille.

Com o resultado, os anfitriões abriram 2 a 0 sobre a Espanha na série melhor de cinco jogos na semifinal do Grupo Mundial da Davis. Mais cedo, Benoit Paire, estreante da França nesta Davis, arrasou Pablo Carreño Busta por 3 sets a 0 - Paire venceu 16 dos últimos 17 games da partida.

O triunfo deixou o time francês perto da grande final da Davis. Agora os anfitriões precisam de apenas uma vitória para fechar o confronto. Este ponto pode vir já no sábado, no duelo de duplas. A equipe francesa será representada por Nicolas Mahut e Julien Benneteau, enquanto os espanhóis terão Feliciano López e Marcel Granollers.

Para aumentar a vantagem da França, Pouille precisou superar a própria irregularidade ao longo da partida. O tenista número 1 da equipe da casa, e 19º do mundo, cometeu 87 erros não forçados, quase o dobro dos 48 do rival espanhol. Ele compensou parte destes vacilos com suas 52 bolas vencedoras, diante de 29 de Bautista Agut, 26º do ranking.

Além disso, disparou 19 aces. O espanhol anotou apenas seis. O tenista da França ganhou a partida mesmo obtendo menos quebras de saque na partida. Foram quatro, contra cinco do representante da Espanha.

O vencedor deste confronto vai encarar na final o vitorioso do duelo entre Estados Unidos e Croácia. E, assim como acontece no duelo em Lille, o anfitrião está com boa vantagem. Jogando no saibro de Zadar, na Croácia, os anfitriões lideram a série melhor de cinco por 2 a 0.

O segundo ponto do confronto foi obtido por Marin Cilic, vice-campeão do Aberto da Austrália e atual número seis do mundo. Ele derrotou o jovem Frances Tiafoe, 40º do mundo, de apenas 20 anos, por 3 sets a 0, com parciais de 6/1, 6/3 e 7/6 (7/5), em 2h14min.

A equipe croata poderá sacramentar a vaga na final neste sábado, no duelo entre Ivan Dodig e Mate Pavic e Mike Bryan e Ryan Harrison. O primeiro triunfo do dia foi conquistado por Borna Coric sobre Steve Johnson por 6/4, 7/6 (7/4) e 6/3.

Cilic faturou a segunda vitória croata do dia ao dominar o rival americano. Mais experiente, o tenista da casa disparou 13 aces e 29 bolas vencedoras, contra nove e 15 de Tiafoe, respectivamente. O favorito falhou menos também: foram 39 erros não forçados, diante de 42 do adversário. Cilic faturou cinco quebras e sofreu apenas uma.

THIEM TAMBÉM VENCE - Pelos playoffs do Grupo Mundial da Davis, Dominic Thiem fez bonito ao arrasar Jordan Thompson por 3 a 0, com parciais de 6/1, 6/3 e 6/0, em duelo entre Áustria e Austrália, que não conta com Nick Kyrgios. No saibro ao ar livre em Graz, na Áustria, o time da casa abriu 2 a 0 nesta sexta. Isso porque, na sequência da vitória de Thiem, Dennis Novak bateu o australiano Alex de Minaur por 3 a 1: 3/6, 6/2, 6/3 e 6/2.

Com estes triunfos, a Áustria ficou a apenas uma vitória de garantir vaga no qualificatório da próxima temporada da Davis, em que a competição passará por diversas mudanças estruturais. O qualificatório vai dar vaga à fase final da nova Davis, cujo Grupo Mundial será todo disputado em novembro, no mesmo local.

 



Recomendadas para você