Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

País - Eleições 2014

Datafolha: Marina dispara para a vitória

Pesquisa mostra Dilma e Marina empatadas com 34% no primeiro turno

Jornal do Brasil

Pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira (29) indica um empate entre a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, e a ex-senadora Marina Silva, candidata do PSB. Cada uma aparece com 34% das intenções de voto. A seguir, vem o senador Aécio Neves (PSDB), com 15%. Na pesquisa anterior, do dia 18, Dilma tinha 36%, Marina, 21% e Aécio, 20%.

Na simulação de segundo turno entre Dilma e Marina, a ex-senadora alcançou 50% contra 40% da presidente. Na pesquisa anterior, Marina tinha 47% e Dilma, 43%.

>> Nova pesquisa deve mostrar Marina Silva na faixa dos 30% de intenções de voto

>> Ascensão de Marina nas pesquisas anima agentes do mercado financeiro

>> O crescimento de Marina Silva e os votos no Rio de Janeiro

>> Garotinho e Marina disparam

No levantamento desta sexta, Pastor Everaldo (PSC) obteve 2%. Os outros sete candidatos somados têm 1%. Segundo o levantamento, os que disseram votar branco ou nulo são 7%, mesmo percentual dos que não sabem em quem votar.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S.Paulo". O Datafolha fez 2.874 entrevistas em 178 municípios nestas quinta (28) e sexta (29). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. 

Na modalidade espontânea da pesquisa (em que o pesquisador somente pergunta ao entrevistado em quem ele pretende votar, sem apresentar a lista de candidatos), os resultados são os seguintes:

- Dilma Rousseff: 27%

- Marina Silva: 22%

- Aécio Neves: 10%

- Outras respostas: 3%

- Em branco/nulo/nenhum: 3%

- Não sabe: 32%

Segundo turno

Nas simulações de segundo turno, o Datafolha avaliou os seguintes cenários:

- Marina Silva: 50%

- Dilma Rousseff: 40%

- Brancos/nulos/nenhum: 7%

- Não sabe: 3%

- Dilma Roussef: 48%

- Aécio Neves: 40%

- Brancos/nulos/nenhum: 9%

- Não sabe: 4%

O Datafolha não realizou simulação de segundo turno entre Marina e Aécio.

Rejeição

A presidente Dilma tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum). Nesse item da pesquisa, os entrevistados puderam escolher mais de um nome.

- Dilma Roussef: 35%

- Pastor Everaldo: 23%

- Aécio Neves: 22%

- Zé Maria: 18%

- Eymael: 17%

- Levy Fidelix: 17%

- Rui Costa Pimenta: 16%

- Luciana Genro: 15%

- Marina Silva: 15%

- Eduardo Jorge: 14%

- Mauro Iasi: 14%

Candidatura Dilma será mantida até o fim

Qualquer que venha a ser o resultado das futuras pesquisas, não há mais nenhuma chance do ex-presidente Lula voltar a ser candidato. Dilma será candidata até o fim. Há uma tentativa do PSDB iludir o eleitorado de Marina, simulando ou passando informações para as redações de jornais de que o PSDB estará com Marina no segundo turno e vai compor seu quadro ministerial. Tudo isso para que o eleitorado perceba que Marina não tem quadros. Os assessores principais de Marina acham graça dessa tentativa infantil de tentar desestabilizar uma candidatura que caminha para a vitória.

Marina vai governar com quem achar que pode ajudar ao país e a ela. Marina, ex-petista com formação sociológica, onde sua grande preocupação não é o mercado nem a bolsa de valores, mas sim o país, que na realidade se constitui pela massa de um povo sofrido, hoje com 202 milhões de habitantes e com mais de 80% precisando que o governo dê proteção absoluta a eles. 

O que significa que vai ser um governo em que os privilegiados até agora distribuam parte de seus grandes lucros para que o povo possa ter saúde, educação e segurança, e que o país possa ter uma infraestrutura e tecnologia suficientes para que não se submeta mais às exigências dos países desenvolvidos

Tags: 2014, campanhas, candidatos, Eleições, sucessão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.