Jornal do Brasil

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

País - Eleições 2014

Candidatos à Presidência buscam votos em atividades pelo país

Agência Brasil

A candidata do PSOL à Presidência da República, Luciana Genro, defendeu hoje (9), em São Paulo, a universalização do acesso ao ensino público em todos os níveis. Durante aula inaugural da Rede Emancipa, movimento social de cursinhos populares, a candidata disse que as instituições públicas de ensino estão sucateadas e que “a única saída é dobrar o investimento e direcionar 10% do PIB [Produto Interno Bruto] para educação". "Não tem outro jeito, só assim teremos universidade de qualidade para todos”, defendeu.

Na opinião de Luciana Genro, a universalização do acesso ao ensino é uma meta possível de ser atingida. “Isso não é uma utopia, mas o dinheiro precisa sair de algum lugar. Para conseguir esse dinheiro, é preciso contrariar alguns interesses. Os bancos faturam bilhões todos os anos”.

Os candidatos Eymael (PSDC), Levy Fidelix (PRTB), Rui Costa Pimenta (PCO) e Pastor Everaldo (PSC) também cumpriram agenda de campanha em São Paulo. Eymael participou de caminhada em Guarulhos; Fidelix fez corpo a corpo na capital paulista; Rui Pimenta fez palestra sobre os 90 anos da Coluna Prestes também na capital, e Pastor Everaldo reuniu-se com fiéis na Cruzada Evangélica da Assembleia de Deus, no Sambódromo de São Paulo.

O único candidato que passou o dia no Rio de Janeiro foi Mauro Iasi (PCB). Ele teve compromissos em Santa Teresa, na Barra da Tijuca e na Lapa, com militantes e apoiadores de sua candidatura. Estão cumprindo agenda de campanha, em Brasília, os candidatos Eduardo Jorge (PV) e José Maria (PSTU). Na noite de hoje, os dois participam do Fórum Social Temático de Energia na Universidade de Brasília (UnB).

Tags: #eleições2014, brasil, eleição, Eleitor, urna

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.