Jornal do Brasil

Segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

País - Eleições 2014

Aécio Neves admite uso de aeroporto na terra do tio em Minas

Portal Terra

Aécio Neves, candidato do PSDB à Presidência, admitiu ter usado o aeroporto de Cláudio (MG) para pousar em um avião de sua família "três ou quatro vezes" nos últimos anos, apesar de a pista não ter autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar. Até então, o tucano se negava a responder perguntas a respeito. "Eu já utilizei (o local) várias vezes antes dessa pista ser asfaltada nos últimos 30 anos, desde a minha juventude. Ele era usado por empresários, fazendeiros, pessoas da região. Depois da conclusão da obra, quando não era mais governador, usei algumas poucas vezes, pousei ali algumas poucas vezes em avião da minha família", afirmou. As informações foram publicadas no jornal Folha de S. Paulo.

O governo mineiro investiu quase R$ 14 milhões para construir o aeroporto numa área de um tio-avô de Aécio, Múcio Tolentino, desapropriada pelo Estado. A sede da fazenda de Tolentino fica ao lado da pista e a Fazenda da Mata, propriedade familiar que é o refúgio predileto do tucano, fica a seis quilômetros do lugar. As chaves são guardadas por parentes do tucano. Aécio disse ter se equivocado em usar a pista sem que tivesse homologação da Anac, mas alegou não ter conhecimento de que o aeroporto não tinha autorização legal para operar. "Admito uma culpa: eu devia ter buscado mais informações sobre isso. Mas é preciso que a Anac trabalhe. A pista está há três anos sem homologação, é investimento público feito e, obviamente, usada de forma inadequada", lamentou, negando ter escolhido o local do aeroporto com o objetivo de beneficiar seus familiares. 

Tags: Aécio, aeroporto, avião, Governo, MINAS

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.