Jornal do Brasil

Domingo, 18 de Fevereiro de 2018 Fundado em 1891

Economia

Bolsas asiáticas encerram pregão em forte queda seguindo mercado americano

Principal índice de ações chinês recuou mais de 4%

Jornal do Brasil

As bolsas do sudeste asiático encerraram o pregão desta sexta-feira (9) em forte queda, seguindo o movimento do mercado dos EUA, que mostrou recuo de mais de 4% no dia anterior, em um dia marcado por significativa volatilidade.

A possibilidade de subida dos juros nos EUA impacta no humor do mercado. Os juros mais altos torna o investimento em títulos do governo norte-americano mais rentáveis do que em bolsa de valores.

O governo dos EUA enfrentam ainda uma nova paralisação administrativa em menos de um mês. Embora o senado tenha aprovado o orçamento do país, a Câmara ainda não votou a matéria. As contas do governo estão congeladas, o que provoca uma paralisação na administração no país.

A Bolsa de Tóquio perdeu 2,32%, ao fim de uma de suas piores semanas. Já os mercados acionários da China sofreram o pior dia em quase dois anos. O índice CSI300, que reúne as principais empresas listadas em Xangai e Shenzhen, teve queda de 4,26%, enquanto o índice de Xangai caiu 4,02%. Ambos chegaram a cair mais de 6% durante a sessão.

O restante dos mercados da região também apresentou perdas. Em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 3,10%, a 29.507 pontos. Em Xangai, o índice SSEC perdeu 4,02%, a 3.130 pontos. Em Seul, o índice Kospi teve desvalorização de 1,82%, a 2.363 pontos. Em Taiwan, o índice Taiex registrou baixa de 1,49%, a 10.371 pontos.

Tags: bolsa, china, japão, mercado, ásia

Compartilhe: