Jornal do Brasil

Domingo, 20 de Maio de 2018 Fundado em 1891

Economia

Petróleo opera em leve baixa, com foco na produção de xisto nos EUA

Jornal do Brasil

Os contratos futuros de petróleo operam em queda nesta quinta-feira (17), após dados de ontem dos EUA mostrarem mais um aumento na produção de xisto. Além disso, o dólar mais forte contribui para pressionar a commodity. A produção de petróleo dos EUA aumentaram 79 mil barris por dia, para 9,502 milhões de barris por dia na semana encerrada no dia 11, segundo o relatório do Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês).

Ao mesmo tempo, os estoques de petróleo recuaram mais no país, uma queda de quase 9 milhões de barris na semana passada, a nona redução em dez semanas.

Além disso, o DoE informou nesta quarta-feira que houve aumento nos estoques de gasolina e destilados, que segundo analistas da corretora PVM Associates foi uma surpresa.

Outro fator, segundo a PVM, foi o aumento recente na produção da Líbia, com a notícia da volta à operação do campo Sharara. A Líbia e a Nigéria foram isentas do acordo liderado pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) para reduzir a oferta e apoiar os preços. 

Às 9h45 (de Brasília), o petróleo WTI para setembro recuava 0,34%, a US$ 46,62 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex), e o Brent para outubro recuava 0,20%, a US$ 50,17 o barril, na ICE.

Às 12h43, o barril de WTI tinha alta de 0,36%, a US$ 46,95. No mesmo horário, o barril de Brent tinha alta de 0,99%, a US$ 50,77. 



Tags: barril, brent, commodities, crude, dólar, estados unidos, estoques, opep, petróleo, produção, texas, wti

Compartilhe: