Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Economia

Expectativa do consumidor piora em agosto, diz CNI

Agência Brasil

A expectativa do consumidor em relação à economia piorou em agosto, em comparação a julho, mostra o Índice Nacional de Expectativa do Consumidor (Inec), divulgado hoje (28) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Em agosto, esse índice foi 108,3 pontos, ante 109,5 em julho.

Quanto maior for o índice, maior será o percentual de pessoas com expectativa de queda na inflação ou no desemprego, maior a expectativa para aumento da renda pessoal e, consequentemente, as compras de bens de maior valor.

De acordo com a entidade, esse recuo de 1,1% no período reverte parte da melhora observada em julho ante os meses anteriores, quando atingiu 113,9 pontos. O índice está 1,8% abaixo do registrado em agosto de 2013, reforçando, segundo a CNI, o cenário pessimistas do consumidor. Apesar de estar entre os menores valores desde março de 2009, o índice de agosto supera o dos meses de maio e junho de 2014.

Entre os componentes do Inec, três índices registraram melhora na comparação com agosto de 2013: renda pessoal (aumento de 0,9%), endividamento (0,3%) e compras de bens de maior valor (0,4%). Esse último foi o único que apresentou melhora também na comparação com a expectativa registrada em julho (3,7%).

Os demais índices tiveram queda, entre eles os relativos às expectativas com a inflação (-7,6% na comparação com julho de 2014 e -8,7% com agosto de 2013), o desemprego (-1,4% na comparação com o mês anterior e -5,9% ante o mesmo mês de 2013) e a situação financeira (-2,5% e -1,7%, respectivamente).

Tags: brasil, consumo, economia, inec, percentual

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.