Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

Economia

Chery Celer é o primeiro carro chinês produzido no Brasil 

Portal Terra

O Chery anunciou nesta quinta-feira que o Celer será o primeiro carro chinês produzido no Brasil. O modelo, lançado pela marca no início de 2013, possui as versões hatch e sedã e inicia sua produção com mais de 50% de índice de nacionalização, graças a parceria da Chery com fornecedores locais, como Plascar, Metagal, Pirelli, Moura, Bosch, Petronas, entre outros.

De acordo com a marca, o índice de nacionalização dos carros produzidos no Brasil será aumentado gradualmente, podendo chegar a 70% em dois anos, quando a Acteco passará a fornecer transmissões, que passarão a ser produzidas no Brasil.

O Chery Celer possui motor 1.5 litro 16V flex nas duas versões, capaz de produzir 108 cavalos de potência e velocidade máxima de 160 km/h. O carro sai de fábrica com itens como ar-condicionado, vidros elétricos, relógio digital, sistema de som com CD Player e MP3, além de porta-objetos e porta-copos. No pacote de segurança, estão incluídos itens como airbags para motorista e passageiro, indicador sonoro de porta aberta e alarme antifurto.

A Chery mostrou durante a inauguração da planta de Jacareí o primeiro Celer produzido no País. Com placa 0001, o veículo tem algumas linhas diferentes do Celer lançado em 2013, principalmente na grade frontal e no farol. A parte traseira continua igual, mas por dentro o carro também tem algumas mudanças, principalmente no painel.

O veículo foi produzido no mês de junho, mas não inaugurou realmente a linha da fábrica. Isso porque o processo utilizado foi o OTS (Off in Toll Sample), que consiste em uma produção artesanal, sem o uso de máquinas – o modelo ainda é um pré-séries. Os dados técnicos do carro produzido no Brasil ainda não foram divulgados.

Tags: brasil, chineses, economia, fabricação, veículos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.