Jornal do Brasil

Quarta-feira, 1 de Outubro de 2014

Economia

Balança comercial do agronegócio tem superávit de US$ 8,1 bilhões em julho

Agência Brasil

A balança comercial do agronegócio encerrou julho com superávit (exportações maiores que importações) de US$ 8,1 bilhões. O volume resulta de US$ 9,61 bilhões em vendas externas e US$ 1,51 bilhão em compras do Brasil no exterior. Os números foram divulgados hoje (11) pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O complexo soja (grão, farelo e óleo) foi o principal setor da pauta de exportações, respondendo por 41% do volume financeiro vendido. As vendas externas do grupo somaram US$ 3,94 bilhões em julho, 0,3% menos do que no mesmo mês do ano passado. A quantidade embarcada chegou a 7,44 milhões de toneladas, com crescimento de 0,8% ante junho de 2013.

Os dados mostram que, apesar de o ingresso financeiro e da quantidade vendida continuarem elevados, o comércio de soja iniciou uma desaceleração, já que os embarques do produto costumam concentrar-se nos meses de maio e junho.

O segundo principal setor exportador foi o de carnes. As vendas externas somaram US$ 1,66 bilhão, 14% superiores às de julho de 2013. Foram embarcadas 586 mil toneladas, 5,7% mais do que no mesmo mês do ano passado. A carne de frango foi o principal produto do setor no mês, com receita de US$ 772 milhões. Em segundo lugar ficou a carne bovina, que captou US$ 690 milhões. As vendas de carne suína renderam US$ 139 milhões.

O complexo sucroalcooleiro foi o terceiro principal setor exportador do mês, com US$ 1,05 bilhão em vendas e embarque de 2,56 milhões de toneladas. A receita das exportações é 11,3% inferior à de julho de 2013, enquanto o embarque caiu 0,7%. Segundo nota do Ministério da Agricultura, houve queda de 10,7% no preço médio cobrado no mercado internacional.

Os outros itens de destaque na balança agrícola foram os produtos florestais e o café. Nos produtos florestais, as vendas somaram US$ 882 milhões, crescendo 6,5%, e os embarques atingiram 1,46 milhão de toneladas, 13,2% mais que em julho do ano passado. Papel e celulose lideraram as vendas do grupo, com ganhos de US$ 652 milhões, 4,7% superiores aos de 2013, e embarques de 1,15 milhões de toneladas, 17% maiores que no ano passado.

Já no setor cafeeiro, a receita com as exportações totalizou US$ 583 milhões, 65,2% acima do registrado em julho de 2013, para 174 mil toneladas comercializadas, 42% mais que no ano passado. De acordo com o Ministério da Agricultura, o preço médio atingiu US$ 3.340 por tonelada, com alta de 16,3% na comparação com o mesmo período do ano anterior

Tags: AGRICULTURA, dados, economia, Ministério, pecuária

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.