Jornal do Brasil

Terça-feira, 16 de Setembro de 2014

Economia

Bovespa tem quarta alta consecutiva

Índice foi impulsionado pelas ações do Unibanco, Vale e Petrobras 

Jornal do Brasil

A Bovespa fechou em alta de 0,41% nesta terça-feira, a 55.973 pontos, o nível máximo de fechamento em quase nove meses, impulsionada pelas ações do Unibanco, Vale e Petrobras. O giro financeiro do pregão foi de US$ 5,98 bilhões. Foi a quarta alta consecutiva da bolsa. Nos últimos quatro pregões, a Bovespa acumula alta de 2,53%.

A ação da Marfrig teve a maior alta do dia, de 7,17%, depois do Bank of America Merrill Lynch ter elevado a recomendação da companhia para "compra" ante "neutra", devido ao recente recuo no custo da dívida da empresa de alimentos.

Do setor de siderurgia, a CSN subiu 3,88%. A companhia aérea Gol também se sobressaiu com alta de 3,47%.

Já a ação da empresa de materiais de construção Duratex caiu 4%, a maior baixa do Ibovespa, após ter a recomendação cortada pelo BofA de "neutra" para "underperform".

A operadora Oi fechou estável depois de um dia de volatilidade, com investidores aguardando o desdobramento da situação entre a Portugal Telecom e o grupo Espírito Santo.

E as ações europeias fecharam em baixa nesta terça-feira, com a queda da confiança do investidor pesando sobre o índice alemão DAX e preocupações com o banco português Espírito Santo enfraquecendo o mercado de Lisboa.

Em Londres, o índice Financial Times recuou 0,53%, a 6.710 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX caiu 0,65%, a 9.719 pontos. Em Paris, o índice CAC-40 perdeu 1,03% por cento, a 4.305 pontos. Em Milão, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 1,33%, a 20.422 pontos. Em Madri, o índice Ibex-35 registrou baixa de 1,23%, a 10.475 pontos. Em Lisboa, o índice PSI20 desvalorizou-se 1,13%, a 6.111 pontos.

Tags: Bolsas, economia, Europa, mercado, SP

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.