Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

Economia

Comisão transfere para amanhã análise do relatório da LDO

Agência Brasil

Por falta de quórum, a discussão e votação do parecer preliminar da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), prevista para hoje (1), foi remarcada para amanhã (2) à tarde. Compareceram à Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional (CMO), para analise da matéria, 14 deputados e seis senadores. Para a votação são necessários no mínimo 18 deputados e sete senadores.

O presidente da comissão, deputado Devanir Ribeiro (PT-SP), disse que irá trabalhar para aprovar o parecer preliminar da LDO nos próximos dias. O texto foi apresentado aos integrantes da CMO no mês passado pelo relator da LDO, senador Vital do Rego (PMDB-PB). Só após sua aprovação será aberto o prazo para apresentação de emendas à LDO.

Segundo o deputado Devanir Ribeiro, mesmo não tendo sessão deliberativa no Senado nesta semana será possível aprovar o parecer, uma vez que há número suficiente de senadores que integram a CMO no Congresso. O deputado disse estar inconformado com a falta de quórum para a apreciação da matéria. “Não é possível uma comissão da importância que tem a de Orçamento não caminhar, independentemente do futebol e do São João”.  Ele chegou a ameaçar trocar os integrantes da comissão que não aparecem às reuniões.

Tags: CONGRESSO, diretrizes, lei, orçamentárias, votações

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.