Jornal do Brasil

Sexta-feira, 25 de Julho de 2014

Economia

Bovespa fecha em queda puxada por ações da Petrobras

Jornal do Brasil

A Bovespa fechou em queda de 1,58% nesta quarta-feira (25), para 53.245 pontos, puxada pelas ações de bancos e da Petrobras. Pelo segundo dia consecutivo, os papéis da estatal tiveram desvalorização de mais de 3% por conta da exploração de campos de petróleo sem licitação determinada pelo governo, que é mal vista pelo mercado porque a empresa vai ter de pagar pelo óleo.

Na semana, a bolsa acumula queda de 2,22%. Em junho, há valorização de 4,275 e no ano, de 3,72%.

As ações dos bancos caíram por conta de dados do Banco Central que mostram que a inadimplência voltou a crescer no Brasil em maio, num cenário de menor expansão do crédito, especialmente dos bancos privados.

As ações da MMX, mineradora de Eike Batista, lideraram as baixas, com queda de mais de 4%. A companhia teve prejuízo líquido de R$ 69,205 milhões no 1º trimestre.

As bolsas europeias também fecharam em queda nesta quarta-feira (25). O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, recuou 1,06%, a 1.372 pontos, menor nível em cerca de três semanas.

A bolsa francesa teve desempenho inferior, pressionada pela queda de 2,3% da ação da GDF Suez após o governo francês vender fatia de 3,1%.

Em Londres, o índice Financial Times recuou 0,79%, a 6.733 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX caiu 0,71%, para 9.867 pontos. Em Paris, o índice CAC-40 registrou baixa de 1,28%, a 4.460 pontos. Em Milão, o índice Ftse/Mib perdeu 0,8%, para 21.469 pontos. Em Madri, o índice Ibex-35 recuou 1,25%, a 10.966 pontos. Em Lisboa, o índice PSI20 teve valorização de 0,96%, para 6.982 pontos.

E a Bolsa de Tóquio também encerrou a sessão desta quarta-feira em baixa de 0,71%. O índice Nikkei 225 perdeu 109,63 pontos, a 15.266,61 unidades.

Tags: . bolsas, baixa, economia, mercado, mundiais

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.