Jornal do Brasil

Segunda-feira, 28 de Julho de 2014

Economia

Percentual de cheques sem fundos tem queda em abril, mostra Serasa

Agência Brasil

O percentual de cheques devolvidos pela segunda vez por insuficiência de fundos chegou a 2,13% em abril deste ano, segundo levantamento divulgado hoje (21) pela empresa de consultoria Serasa Experian. No mês passado, foram devolvidos 1.339.857 cheques e compensados 62.795.824. Em abril do ano passado esse percentual foi 2,09% e, em março, deste ano correram 2,21% de devoluções.

Segundo os economistas da Serasa, apesar do recuo em relação a março, a devolução de 2,13% em abril foi a mais alta dos últimos cinco anos registrada no quarto mês do ano, perdendo apenas para a inadimplência com cheques ocorrida no mesmo período em 2009 (2,22%).

Já no acumulado do primeiro quadrimestre deste ano, o percentual de devolução de cheques sem fundos foi de 2,11%, superior à devolução de 2,09% ocorrida ao longo dos primeiros quatro meses de 2013.

De acordo com a Serasa, o percentual mais elevado da inadimplência neste ano em relação ao ano passado é reflexo do encarecimento do crédito (altas sucessivas das taxas de juros) e da elevação da inflação. Esses fatores afetaram negativamente a capacidade dos consumidores em honrar em dia os seus compromissos.

O estado de Roraima foi o que mais registrou devoluções de cheques sem fundos (12,30%) nos primeiros quatro meses de 2014. O Amazonas foi o estado com o menor percentual (1,22%). Entre as regiões, a Norte liderou o ranking, com 4,37% de cheques devolvidos, já o Sudeste apresentou o menor percentual (1,64%).

Tags: brasil, cheque, economia, percentual, Serasa

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.