Jornal do Brasil

Terça-feira, 23 de Setembro de 2014

Economia

Por consumo, preço da gasolina sobe mesmo sem reajuste

Portal Terra

Apesar de o governo controlar o preço da gasolina nas refinarias, o valor do combustível está em alta no posto devido a forte demanda, segundo informações publicadas neste domingo pelo jornal O Estado de S.Paulo. De acordo com a Agência Nacional do Petróleo (ANP), em janeiro a venda de gasolina e etanol das distribuidoras para os postos cresceu 10,34% ante o mesmo mês no ano passado. A forte procura do consumidor pelo combustível fez com que o preço médio do litro da gasolina fosse maior ou igual a R$ 3 em 12 das 27 capitais pesquisadas pela ANP, segundo o Estado. Em São Paulo, maior mercado consumidor do País, o litro da gasolina chegou a ser vendido por R$ 3,599.

De acordo com a publicação, no mês passado a gasolina ficou 1,90% mais cara na cidade de São Paulo, enquanto o preço do etanol subiu 6,33%. Ao jornal, o economista-chefe da LCA Consultores, Bráulio Borges, afirmou que o aumento da frota de veículos, apesar da desaceleração da economia, explica o avanço no consumo de combustível. De 2012 para 2013, a frota nacional aumentou 6% - com cerca de 2,2 milhões de veículos que demandaram combustíveis.

Tags: anp, combustivel, Gasolina, inflação, são paulo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.