Jornal do Brasil

Sábado, 26 de Maio de 2018 Fundado em 1891

Economia

Bovespa tem maior alta em sete meses, puxada por ações da Petrobras

Papéis da estatal subiram mais de 7%. Já o dólar fechou no menor patamar desde novembro

Jornal do Brasil

A Bovespa subiu 3,50% nesta quinta-feira, a 49.647 pontos, a maior valorização desde 2 de setembro de 2013, quando fechou a 3,65%.

Apesar da pesquisa CNI/Ibope divulgada pela manhã mostrar a queda na aprovação do governo Dilma, o pregão foi marcado por um grande volume financeiro.

As ações preferenciais da Petrobras avançaram mais de 7%. Outros destaques de alta foram Eletrobras e LLX que subiram mais de 10%.

Dólar recua

Já o dólar teve queda de 1,75%, cotado a R$ 2,268 na venda, no menor patamar desde novembro. 

Nas primeiras horas do pregão prevaleceu o otimismo de investidores em relação a ativos emergentes. Contudo, as perdas foram contidas nos primeiros negócios, diante de dúvidas sobre a disposição do Banco Central em permitir que a moeda norte-americana recuasse abaixo de R$ 2,30.

Pela manhã, o BC deu continuidade às intervenções diárias, vendendo a oferta total de 4 mil swaps cambiais, que equivalem à venda futura de dólares. Todos os contratos vendidos têm vencimento 1º de dezembro deste ano, com volume correspondente a US$ 198,2 milhões. 

Além disso, também vendeu a oferta total de 10 mil swaps em leilão para rolagem dos contratos que vencem na próxima terça-feira. 



Tags: MOEDA, americana, dados, economia, queda

Compartilhe: