Jornal do Brasil

Sábado, 23 de Agosto de 2014

Economia

Ações da Vale puxam alta da Bovespa nesta terça-feira

Jornal do Brasil

A Bovespa fechou em alta de 0,39% nesta terça-feira, a 48.180 pontos, puxada pelas ações da Vale. Foi a sétima alta seguida da bolsa brasileira, apesar de a Standard & Poor's ter rebaixado a nota de crédito do país.

No mês, a bolsa já registra ganho de 2,3%. No ano, entretanto, o índice ainda tem perda de 6,46%.

Nesta sessão, os papéis preferenciais da mineradora Vale subiram 1,51%. Outros destaques de alta do dia foram Copel, Anhanguera, Usiminas e Gafisa.

As ações preferenciais da Petrobras, cujo rating também foi reduzido para "BBB-" pela S&P, fecharam em leve alta. Já as preferenciais da Eletrobras, cuja nota também caiu para "BBB-", recuaram mais de 3%.

Na outra ponta, os papéis do JBS caíram mais de 4%. 

E as ações europeias fecharam em alta nesta terça-feira (25), impulsionadas por expectativas de medidas de estímulo do Banco Central Europeu (BCE) e do banco central da China para ajudar suas economias a enfrentar qualquer desaceleração.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, avançou 1,32%, para 1.310 pontos. Foi a maior alta diária desde que subiu 2% em 4 de março.

As bolsas europeias também foram impulsionadas após o integrante do Conselho do BCE Jens Weidmann afirmar que o banco não descarta comprar empréstimos e outros ativos de  bancos para estimular a zona do euro, que está lentamente se recuperando da crise de dívida soberana.

Em Londres, o índice Financial Times fechou em alta de 1,30%, a 6.604 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX subiu 1,63%, para 9.338 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 ganhou 1,59%, para 4.344 pontos.

Em Milão, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,95%, para 20.823 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 avançou 0,78%, para 9.990 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 encerrou em alta de 0,82%, para 7.438 ponto

Tags: Bolsa, dados, economia, fechamento, SP

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.