Jornal do Brasil

Domingo, 23 de Novembro de 2014

Economia

Ações fiscais da Telefônica no Brasil chegam a 2,4 milhões de euros

Jornal do Brasil

A empresa Telefônica tem a sua maior batalha tributária no Brasil e no Peru, envolvendo cerca de 2.400 milhões de euros. As informações estão na editoria do jornal espanhol El País, desta sexta-feira (28/2). A empresa do ramo de telecomunicação liderada por César Alierta abriu no Brasil vários processos para contestar impostos, como o ICMS.

Segundo o jornal, a empresa tem uma discussão com as autoridades fiscais brasileiras em relação aos serviços que devem ser liquidados pelo imposto. A diferença mais importante está relacionada com o requisito para a cobrança de ICMS sobre serviços complementares e acessórios aos serviços de telecomunicações básicas, tais como serviços de valor agregado ou aluguel de modems. "Até agora, todos os processos relacionados com essas questões estão sendo contestados em todos os níveis (administrativo e judicial), com o total acumulado de tais minutos e atualizado com as demandas de juros, multas e outros encargos de cerca de 2.038.000 euros", comunicou a empresa através de demonstrações financeiras consolidadas, registrados na quinta-feira (27), na Comissão de Valores Mobiliários Mercado Nacional de Valores (CNMV). 

Um ano atrás, o valor era de 1,133 milhões, de modo que quase duplicou em 2013. "Tais processos não são provisionados conforme a classificação de risco do mesmo é improvável. Telefonica Brasil tem relatórios externos que apoiam a sua posição, ou seja, esses serviços não estão sujeitos ao ICMS", acrescenta.

Tags: brasil, contestar, impostos, processos, telecomunicação

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.